Fundação Vanzolini

Saiba como a gestão da qualidade é uma poderosa aliada para adquirir novas habilidades organizacionais tornando a vida corporativa mais eficiente e dinâmica.

 

Adquirir habilidades organizacionais torna a vida corporativa mais eficiente e dinâmica. Para tanto, é vital construirmos uma ponte com a temática da gestão da qualidade.

Tal sistema de gestão viabiliza o aguçamento dessas características fundamentais para a empresa, tendo em vista sua utilização ao longo de todo o processo operacional.

Gerenciamento de recursos, organização do tempo e pensamento analítico são apenas alguns exemplos das várias habilidades que podem ser desenvolvidas com a política da qualidade.

Se você quer saber mais a respeito do assunto, preparamos as principais informações que você necessita para ficar por dentro da gestão da qualidade. Boa leitura!

 

Como a gestão da qualidade aprimora suas habilidades organizacionais

A gestão da qualidade pode ser definida como um grupo de ações criadas com a intenção de garantir a excelência do produto final, bem como de todas as suas etapas produtivas.

Essa filosofia demanda um apurado planejamento estratégico para que a sequência das atividades esteja dentro dos rígidos padrões exigidos pelo controle de qualidade.

As habilidades organizacionais são as características evidentes de todo bom gestor e ou funcionário com cargo decisivo na cadeia operacional da atividade, seja ela qual for.

Espera-se daqueles que ainda não estejam com tais habilidades bem afiadas que participem de programas de capacitação e treinamento, para melhor adequação ao trabalho exigido.

Porém, devemos pontuar que, com a constante execução das tarefas da gestão da qualidade, esses talentos serão inseridos gradativamente na conduta profissional do colaborador.

Por meio de ferramentas adequadas, é possível incentivar práticas específicas que, com o passar do tempo, se tornarão hábitos diários e instintivos.

 

A importância da gestão da qualidade na melhoria das habilidades organizacionais.

Priorizar a qualidade do produto, além de manter a empresa em um nível competitivo frente a marcas concorrentes, cria um modus operandi alicerçado sobre um crítico perfil proativo.

A proatividade é o núcleo das boas práticas componentes dos sistemas de gestão da qualidade. A empresa deve evidenciar claramente os padrões qualitativos esperados em cada atividade desenvolvida.

As organizações de maior destaque no mercado são aquelas que possuem os princípios mais rígidos de qualidade, desde a aquisição de matérias-primas até a chegada ao consumidor final.

O pensamento analítico é o princípio básico da gestão da qualidade. Ao ter uma visão crítica a respeito dos processos, a equipe lidará melhor com suas situações mais intrínsecas.

 

Como a gestão da qualidade pode ajudar na organização de processos

Sem organização, a gestão da qualidade não conseguiria executar suas variadas atribuições de modo satisfatório, por isso, sua estrutura conta com meios capazes de ajudar nessa tarefa.

Existem ferramentas de qualidade projetadas especificamente para auxiliar na organização dos processos. São métodos práticos que podem ser implementados sem grandes dificuldades. Confira alguns deles:

 

Fluxograma

Basicamente, o fluxograma é um esquema de representar a sequência de ações de determinado processo. É uma alternativa visualmente dinâmica e de fácil compreensão.

Para confeccioná-lo, é necessário observar atentamente o processo completo, captando a ordem exata de etapas para poder esquematizá-las no fluxograma, em forma de tópicos.

Sua vantagem está na possibilidade de deixar o processo mais visível, podendo até expô-lo em locais acessíveis aos colaboradores e também arquivá-lo para registro.

Devido à fácil visualização, torna-se mais prática a identificação de eventuais problemas operacionais do processo, ocasionando ações mais precisas com foco em soluções.

 

Diagrama de Ishikawa

Também conhecida como Diagrama Espinha de Peixe, essa ferramenta se concentra em apontar as principais causas e os efeitos de determinados problemas processuais.

Trata-se de uma análise complexa, resultante na identificação dos “gargalos”, desperdícios de recursos e geração de alternativas para repará-los, aumentando o desempenho do processo.

 

5W2H

Ferramenta muito útil para o planejamento de determinada ação. A sigla, em inglês, representa a união de sete perguntas essenciais, a respeito do que se deseja fazer. Confira seu significado:

 

Método PDCA

Projetada para fins de planejamento de tarefas, trata-se de uma ferramenta muito simples, porém eficaz. Assim como o 5W2H, o PDCA também é uma sigla em inglês, que significa:

 

APPCC

A sigla significa Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle, e é uma ferramenta utilizada especificamente no contexto da indústria alimentícia.

Seu objetivo principal é garantir a segurança alimentar do produto final, analisando preventivamente cada etapa de fabricação para minimizar riscos, que podem ser físicos, químicos ou biológicos.

O sistema se compromete em elaborar estratégias para reduzir e, se possível, eliminar os riscos de contaminação, desde o recebimento de insumos até a distribuição dos alimentos já embalados.

 

Habilidades organizacionais essenciais para a implementação da gestão da qualidade

Pensando na implementação de uma efetiva gestão da qualidade na sua empresa, os profissionais envolvidos devem apresentar algumas habilidades organizacionais indispensáveis, como:

 

Importância da gestão da qualidade e habilidades organizacionais

Como você percebeu, a gestão da qualidade e as habilidades organizacionais estão intimamente conectadas. Com a devida implementação daquela, estas serão potencializadas na equipe.

A qualidade é uma característica almejada de modo geral pelas pessoas, e prezar por ela é o caminho indicado para o seu sucesso como empreendedor ou colaborador.

Com a devida implementação das ferramentas da qualidade, o planejamento, a execução e a identificação de problemas serão processos mais dinâmicos e colaborarão para a melhoria contínua das atividades.

 

Este conteúdo foi útil para você? A Fundação Vanzolini oferece cursos com especialistas na área, para você ampliar o seu repertório sobre o assunto e transformar a sua carreira.

 

Conheça os cursos de Gestão da Qualidade da Fundação Vanzolini.

Análise dos Modos de Falha e seus efeitos: Metodologia para detectar falhas
Gerenciamento da Rotina e Ferramentas da Qualidade
Gestão da Qualidade e Gestão por Processos
IQNET: ISO 9001 – Auditor Interno
IQNET: ISO 9001 – Auditor Líder
Interpretação dos Requisitos ISO 9001:2015
Gestão por Processos, Melhoria dos Processos
Gestão por Resultados e Indicadores de Desempenho
Lean Manufacturing: Ferramentas para produção enxuta
Melhoria de Eficiência nos Processos de Negócios
Qualidade para indústria automotiva: Formação de Auditor interno – IATF 16949 Versão 2016
Sistema de Gestão Integrado: Formação de auditor interno – ISO 9001, ISO 14001 e ISO 45001

 

ENTRE EM CONTATO

O objetivo básico de todo negócio é diferenciar-se da concorrência para conquistar a preferência do público e aumentar a sua relevância no mercado. Para isso, ter processos internos bem definidos, com alto desempenho e qualidade constante, fazem a total diferença.

Um dos motivos que é recorrentemente apontado como o principal obstáculo para o sucesso de uma empresa, é a falta de planejamento de cada uma das etapas do negócio. Por isso, fazer a Gestão de Operações pode ser a melhor forma de se evitar contratempos por falta de organização.

Pensando nisso, nesse período de festividades juninas, pode ser interessante refletir sobre aspectos da gestão que está por trás do planejamento e da organização desses eventos para garantir o seu grande sucesso, anos após ano. E claro, é possível encontrar muitas semelhanças com a gestão das empresas.

Neste artigo, vamos abordar qual o papel da Gestão de Operações nos bastidores das Festas Juninas, suas particularidades e benefícios. Boa leitura!

 

Festas Juninas: planejamento e organização de grandes eventos

As festas juninas são celebrações populares que ocorrem tradicionalmente no mês de junho, em várias regiões do Brasil. Elas apresentam uma atmosfera animada e festiva, com danças típicas, músicas, fogueiras, comidas tradicionais e brincadeiras.

No Brasil, as maiores festividades juninas são o Festival de Parintins, no Amazonas, o São João de Caruaru, em Pernambuco, considerado o “Maior São João do Mundo”, o Festival de Quadrilhas de Campina Grande, na Paraíba, e as Festas Juninas de São Luís do Maranhão. Existem muitas outras em diferentes cidades e estados do país, cada uma com suas particularidades e tradições.

O planejamento e organização são fundamentais para garantir o sucesso e a segurança de megaeventos, como essas grandes festividades juninas.

Alguns aspectos são essenciais, como infraestrutura e logística, prevenção de riscos para a segurança dos participantes, gerenciamento do trânsito e do transporte público, acessibilidade e mobilidade, programação, alimentação com garantia de boas condições de higiene e segurança alimentar, licenças e autorizações e, enfim, marketing e divulgação junto à imprensa local e regional.

Logicamente, cada evento pode ter particularidades adicionais, dependendo da sua localização, público-alvo e objetivos específicos.

Será que já estamos falando de Gestão de Operações? Vamos ver na sequência.

 

O que é Gestão de Operações?

A Gestão de Operações é uma metodologia que visa o planejamento, execução e monitoramento de diferentes decisões e processos. Dentro de uma organização, é uma atividade que pode ser realizada nos mais diversos setores, com o objetivo de aprimorar processos internos e maximizar a eficiência e a produtividade da equipe.

Além disso, a Gestão de Operações também é vista como uma forma de controlar e alavancar os recursos disponíveis, sejam eles materiais, financeiros ou humanos, para otimizar a entrega, gerando valor e garantindo a satisfação do consumidor final.

 

Por que investir na implementação da Gestão de Operações?

Como vimos anteriormente, a utilização da Gestão de Operações pode trazer diversos benefícios para uma empresa, tornando-a mais competitiva no mercado. Separamos, a seguir, alguns ganhos que podem ser obtidos em diferentes processos corporativos:

Além dos benefícios, gostaríamos de exemplificar os reflexos causados por um planejamento ineficiente, sem a gestão das operações:

 

Desafios para aplicação da metodologia Gestão de Operações

Sabemos que a implantação de uma nova metodologia não é fácil. Contudo, trouxemos os principais pontos para os quais você deve redobrar a atenção ao decidir inserir a Gestão de Operações em sua organização.

Para começar, apesar de ser possível a aplicação em diversas áreas, é necessário contar com a liderança de colaboradores capacitados no assunto.

Além de gerenciar todas as etapas, esses profissionais ficarão responsáveis por difundir toda essa nova cultura para os demais colaboradores. Atente-se para que esse movimento não seja exclusivo das lideranças da empresa.

Após o mapeamento dos processos internos, o próximo desafio é preparar o ambiente para que todas as atividades operem em sua capacidade máxima e independente, mas sempre alinhadas entre si.

É necessário que as equipes tenham clareza sobre suas responsabilidades e a dependência mútua umas às outras, em direção ao mesmo objetivo, o sucesso da operação.

 

Gestão de Operações aplicada às Festas Juninas

Ao compreender a Gestão de Operações, é possível identificar a importância e as vantagens da utilização dessa metodologia em megaeventos, como as grandes festividades juninas das quais já falamos.

Que tal visualizar essa situação na prática? Veja, a seguir, como a Gestão de Operações pode ser aplicada às Festas Juninas.

Planejamento: O primeiro passo para que qualquer estratégia funcione corretamente. Elenque os mínimos detalhes de cada etapa e, então, defina um cronograma com metas e objetivos para cada item.

No caso da Festa Junina, nessa etapa serão definidos o local, a data, a estrutura necessária, os fornecedores e os recursos financeiros disponíveis. Além de já mapear soluções para possíveis imprevistos.

Organização: Neste momento, com o cronograma de planejamento em mãos, é hora de dividir os recursos, materiais, equipamentos e os colaboradores. Designando responsabilidades específicas para cada equipe ou, no caso de tarefas mais simples, para cada indivíduo.

Na Festa Junina, é nesse momento que os responsáveis pela decoração, montagem de barracas, preparação das comidas, contratação de músicos e dançarinos, divulgação e entre outras atividades são definidos.

Gestão da cadeia de suprimentos: Para que tudo o que foi planejado e definido na etapa de organização seja sustentado, é importante que seja feito um acompanhamento constante para a mensuração dos materiais necessários antes e durante o evento.

Por exemplo, monitoramento para que todos os alimentos anunciados estejam disponíveis durante a festa, evitando entraves ao fazer uma seleção minuciosa com fornecedores confiáveis, contratos adequados, controle de estoque e a logística de transporte.

Controle de qualidade: A operação só acaba quando o objetivo final é atingido. Durante todo o processo de desenvolvimento, é preciso estar atento para a qualidade do que está sendo produzido e entregue.

Na Festa Junina, é importante o acompanhamento do armazenamento e manuseio dos alimentos, a avaliação da limpeza e segurança das instalações, do desempenho das equipes ao coletar feedbacks em tempo real dos participantes do evento.

Melhoria contínua: Após o alcance do objetivo principal, chega o momento de avaliar o todo, entender os pontos que deram certo e os que precisam ser melhorados.

Por exemplo, nesse momento são definidos quais aprendizados serão levados para a Festa Junina do ano seguinte e quais oportunidades foram identificadas para a implementação futura.

 

Aprenda com Especialistas

Neste artigo, você aprendeu o que é a metodologia Gestão de Operações e entendeu os benefícios da sua implementação. Se quiser se aprofundar ainda mais no assunto, sugerimos o curso Gestão de Operações da Fundação Vanzolini.

Em formato EaD, ao vivo, com duração total de 49 horas, o curso aborda temas como Gestão Estratégica de Operações, Gestão Ágil, Logística, Ferramentas Lean entre outros.

 

Este conteúdo foi útil para você? A Fundação Vanzolini oferece cursos com especialistas na área para você ampliar o seu repertório sobre o assunto e transformar a sua carreira.

Conheça os cursos de Gestão de Operações e de Projetos da Fundação Vanzolini.

Básico em Gestão de Projetos – 24 horas
Easy PMP® – Preparatório para a Certificação do PMI®
Gerenciamento da Rotina e Ferramentas da Qualidade
Gestão da Qualidade e Gestão por Processos
Gestão de Operações
Gestão de Operações Portuárias
Gestão de Projetos
Gestão por Processos, Melhoria dos Processos
Gestão por Resultados e Indicadores de Desempenho
Melhoria de Eficiência nos Processos de Negócios

 

ENTRE EM CONTATO

Diante de uma concorrência acirrada e consumidores exigentes, as empresas buscam diferenciais para garantir o valor de suas operações.

(mais…)

Este texto é para você que se interessa por gestão de empresas. Mesmo que já conheça ou utilize os princípios da certificação ISO 9001 no seu trabalho, recomendamos que leia este conteúdo. Você pode aprender mais sobre certificação de Sistemas de Gestão da Qualidade e compartilhar com quem também se interessa pelo assunto. Aproveite a leitura!

O que é a certificação ISO 9001?

certificação ISO 9001 tem o objetivo de incentivar a qualidade dos processos de uma organização por meio da aplicação de requisitos de planejamento de atividades, definição de metas, implementação de planos de ação e relacionamento com clientes, fornecedores e colaboradores.

A norma atesta a conformidade de Sistemas de Gestão da Qualidade, com foco em melhorar o desempenho das empresas nas seguintes áreas:

Sistema de Gestão da Qualidade (SGQ) tem por objetivo corrigir falhas e ineficiências nos processos dentro da organização. Já a ISO (International Organization for Standardization) é uma organização fundada em 1946 e sediada em Genebra, na Suíça, com o propósito de criar e promover normas que possam ser utilizadas por todos os países do mundo.

Primeira certificação ISO 9001

Até o final dos anos 80, muitas empresas brasileiras encontravam problemas para exportar seus produtos devido à falta do cumprimento de especificações técnicas de qualidade em gestão e produtos.

Em 1988, a certificação de qualidade para empresas começa a acontecer no Brasil. O professor do Departamento de Engenharia de Produção da USP, José Joaquim do Amaral Ferreira, atual diretor de Certificação da Fundação Vanzolini, trouxe a ideia de que a entidade poderia aplicar a Certificação de Sistemas de Gestão da Qualidade da série ISO 9000 no país.

O sistema pronto foi submetido à avaliação do Inmetro que, de imediato, o aprovou e credenciou a Fundação Vanzolini como entidade número 1 no Brasil, apta a certificar Sistemas de Gestão da Qualidade da série ISO 9000. Em 1990, a entidade concedeu a primeira certificação ISO 9001 à empresa Cimento Serrana.

Atualmente, como membro pleno da organização The International Certification Network (IQNet), rede internacional de entidades certificadoras, a Fundação Vanzolini emite diversos certificados com reconhecimento nacional (Cgcre/Inmetro) e com abrangência internacional, fornecido pela IQNet.

Para que serve a certificação ISO 9001?

A certificação ISO 9001 serve para trazer qualidade a todos os processos de uma empresa. Ao elevar os padrões, ela faz com que haja mais interações entre os colaboradores e áreas de uma organização, além de promover maior eficiência e eficácia para todos os processos. Ou seja, pode se dizer que o impacto é holístico.

Uma das razões da popularidade da ISO é que suas normas podem ser implementadas por qualquer tipo de empresa industrial ou prestadora de serviços, de qualquer porte e de qualquer setor público e privado.

Separamos aqui alguns pré-requisitos para se implementar a certificação ISO 9001:

Quais são os benefícios da certificação ISO 9001 para a empresa?

Conquistar a certificação ISO 9001 representa um atestado de reconhecimento nacional e internacional à qualidade do trabalho, pois a norma assegura boas práticas de gestão e relacionamento entre clientes e fornecedores.

Além disso, possibilita maior desenvolvimento dos colaboradores, servindo como alavanca na busca pela qualidade total, propiciando condições para maior competitividade no mercado, otimização de processos e a redução de custos.

Veja alguns diferenciais competitivos gerados por uma gestão de qualidade eficiente e eficaz:

A Fundação Vanzolini oferece certificações nas áreas da Construção Civil, Saúde, Segurança da Informação, Sustentabilidade, Automobilismo, Alimentação e da Gestão da Qualidade.

E então? Aprendeu algo novo sobre Sistemas de Gestão da Qualidade? Se deseja saber mais sobre a certificação IS0 9001 ou outras certificações, conheça os cursos na área de Certificações da Fundação Vanzolini

Até a próxima!

ENTRE EM CONTATO

Assistentes virtuais, rotas no Waze, produtos do seu interesse no feed do Instagram. Estes são três exemplos práticos e corriqueiros da aplicação da Inteligência Artificial.

A tecnologia não cabe mais ao futuro, ela é presente, hoje, em nossa rotina e atividades diárias e sem muitas vezes nos darmos conta disso.

Nas organizações, na medicina, na arte. A presença da Inteligência Artificial é um fato, mesmo que ainda haja qualquer resistência ou dúvida. Trata-se de uma ferramenta capaz de otimizar os negócios, de fomentar novas soluções, agregar valor e aumentar a produção.

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) publicou, em 2018, um artigo no qual destaca uma previsão da Intel de que, em 2025, serviços envolvendo inteligência artificial devem movimentar US$ 36,8 bilhões.

Em 2016, Google, Facebook e Microsoft investiram cerca de US$ 20 bilhões na área. No Brasil, o relatório do Sebrae, apresentado em 2018, projetava gastos de US$ 182 milhões com IA.

Assim, diante desse cenário concreto, atual e pulsante, e com o objetivo de desmistificar e apresentar a Inteligência Artificial na prática, dentro da gestão operacional e da vida das pessoas, preparamos esta entrevista com Alexandre Moreira Nascimento, especialista em Inteligência Artificial, professor da Universidade de Stanford e responsável por conduzir o webinar Masterclass: Inteligência artificial e suas aplicações em Gestão de Operações.

Acompanhe!

Inteligência artificial, robôs e automação do andar

Antes de passarmos para o bate-papo com o professor Alexandre Moreira Nascimento, vamos fazer, rapidamente, uma viagem pela história da Inteligência Artificial. Como vimos no início deste texto, a AI já faz parte do nosso dia a dia – muitas vezes ao dia – no acesso ao buscador do Google, por exemplo.

Com ares de futuro, o campo Inteligência Artificial é um campo antigo, que surgiu na década de 50, com o objetivo de entender como funciona a inteligência humana e, a partir dessa compreensão, desenvolver programas de computador, softwares e aplicativos capazes de simular ou completar esse aspecto da espécie humana.

Trata-se da automatização da inteligência, do pensar, da forma de raciocinar do humano. E, se a gente quiser voltar ainda mais no tempo, podemos considerar a invenção da roda uma forma de automatizar outra atividade humana, o andar.

A partir daí, temos uma evolução que passa pela robótica, pelo uso de robôs em plantas de fábricas e pela automação de tarefas manuais.

Hoje, o desenvolvimento da Inteligência Artificial se expande e vai além. As funções superam a necessidade de um humano – e suas funções cognitivas – para realizar ou validar determinada atividade.

Os computadores e softwares evoluíram e são capazes de fazer atividades que, antes, eram exclusivas dos seres humanos.

Agora você deve estar se perguntando de que forma a AI pode ser aplicada aos processos de gestão de operações, certo?

Para responder a essa questão, vamos à entrevista com o especialista em Inteligência Artificial e responsável pelo webinar, Alexandre Moreira Nascimento.

1. Tratando-se de Inteligência Artificial e Gestão de Operações, para quais profissionais, ramos e empresas o webinar se destina?

A Gestão de Operações é um tema bem amplo, que abrange diversos ramos e tipos de empresas. De fato, uma planta industrial tem operações, como um supermercado ou como uma padaria.

Assim, o webinar é indicado para profissionais do nível operacional ao nível de liderança, que tenham envolvimento com a área de operações ou que desejam guinar sua carreira para a área.

A apresentação também é recomendada para empreendedores que podem se beneficiar tanto do entendimento de como a Inteligência Artificial pode ser aplicada em suas empresas para redução de custos, otimização e ganhos de eficiência, bem como podem obter insights sobre oportunidades para criação de novas empresas para ofertar soluções de IA para a Gestão de Operações.

Logicamente, os profissionais de nível estratégico, tático e operacional obterão insights diferentes, de acordo com a perspectiva de cada um dentro de suas organizações e níveis de carreira.

Enquanto profissionais do nível operacional entenderão como seus desafios podem ser endereçados com as técnicas, os profissionais de nível estratégico entenderão como a Inteligência Artificial poderá criar diferenciais competitivos e como seus avanços estão transformando a sociedade, o mercado, etc.

2. Há áreas específicas que se alinham à Inteligência Artificial? Ou sua capacidade de atuação e realização é abrangente?

A melhor resposta para essa pergunta foi dada em 2016 pelo professor Andrew Ng, da Universidade de Stanford: “A Inteligência Artificial é a nova eletricidade”.

Ou seja, tal como a eletricidade impactou todos os setores e a sociedade no momento em que o domínio de seus fenômenos nos permitiu criar as fundações da sociedade moderna e conectada, a Inteligência Artificial se aplica em qualquer área, oferecendo uma capacidade de realização abrangente.

É difícil imaginar um setor ou área que não possa colher frutos de suas aplicações hoje ou no futuro e que não seja impactado de alguma forma.

3. Em linhas gerais, para aguçar, de que forma a Inteligência Artificial pode melhorar a performance e tornar a Gestão de Operação mais eficiente e potente?

Em linhas gerais, a Inteligência Artificial pode ajudar a otimizar uma operação, seja ela automatizada ou não, aumentando a produtividade e reduzindo custos e desperdícios.

Por exemplo, numa pequena empresa com produção de alimentos próprios, uma aplicação de IA permitiu reduzir o desperdício de 1.2 toneladas, por ano, em ingredientes, para algo em torno de 200 kg.

Se olharmos na operação agrícola, aplicações de Inteligência Artificial combinadas com outras tecnologias estão permitindo um aumento de produtividade de dezenas de vezes por área cultivada.

4. Quando pensamos fora das organizações, como a Inteligência Artificial afeta ou pode afetar a vida das pessoas? Quais os impactos na sociedade?

Conforme o próprio Prof. Andrew Ng comentou, a Inteligência Artificial é a nova eletricidade. E tal como a eletricidade transformou profundamente a vida das pessoas e a sociedade, a Inteligência Artificial também está trazendo transformações profundas.

Ao trazer a possibilidade de automação de tarefas que dependiam de processos cognitivos e pessoas treinadas, a Inteligência Artificial está mudando a natureza do trabalho.

Alguns tipos de funções executadas por humanos deixarão de existir, outras serão transformadas e outras surgirão. Com isso, estamos vivendo uma transformação da natureza do trabalho, impactando a dimensão profissional das pessoas.

É óbvio que tal transformação em escala resultará num impacto na sociedade. Há ainda, por exemplo, avanços na Inteligência Artificial que prometem o acesso mais democratizado à saúde e à educação de qualidade, impactando positivamente a sociedade e reduzindo desigualdades.

Aplicações de Inteligência Artificial estão também impactando a velocidade da descoberta de novas drogas, tratamentos e sua efetividade, podendo aumentar nossa longevidade.

Esse aumento, portanto, vai demandar a busca por novas formas de utilizar, eficientemente, os espaços para abrigar e alimentar uma população crescente ao longo prazo, o que é possível por meio da AI.

Webinar | Inteligência Artificial e suas aplicações em Gestão de Operações

Sobre Alexandre Moreira Nascimento

Visionário e empreendedor em série no Brasil e no Vale do Silício, Alexandre possui mais de 20 anos de experiência no desenvolvimento de produtos e plataformas inovadoras de alta tecnologia.

Desenvolveu a primeira mídia social móvel em 2000. Tem forte e eclética formação acadêmica em negócios, Inteligência Artificial, engenharia e comportamento humano nas mais prestigiadas universidades do Brasil (USP, FGV, UNIFESP) e do mundo (MIT, Harvard, Stanford University e Universidade de Massachusetts), incluindo mais de 10 certificados e mais de 20 honras e prêmios.

É pesquisador na Universidade de Stanford e Faculty da Singularity University. Publicou mais de 25 artigos científicos e seis livros (primeiro livro aos 13 anos). Membro do conselho consultivo de startups de alta tecnologia.

Alexandre é apaixonado por projetar, construir e testar soluções não convencionais para problemas complexos e criar negócios lucrativos ao seu redor. Além de construir robôs como hobby, possui uma vasta coleção de computadores vintage.

Por fim, para assistir ao webinar completo e saber mais sobre as vantagens e aplicações da AI, basta acessar o canal da Fundação Vanzolini no YouTube. O acesso ao Masterclass: Inteligência artificial e suas aplicações em Gestão de Operações é gratuito. Aproveite!

Conheça o nosso conteúdo gratuito, em vídeo:

Webinar | Conceitos & Práticas da Transformação Digital – Sua Aplicação em Organizações Brasileiras

Webinar | Big Data nas Organizações – Prof. Hugo Watanuki

Webinar | O Potencial da Inteligência Artificial na Indústria 4.0

Cursos da Fundação Vanzolini

ENTRE EM CONTATO

Convênios Educacionais

10% (dez por cento) de desconto nos cursos de MBA e pós-graduação (lato sensu) para funcionários de empresas associadas aos sindicatos filiados à Fiesp/Dempi.

10% (dez por cento) nos cursos de MBA, Pós-graduação (lato sensu) e Capacitação para funcionários das seguintes empresas*:

* Desconto válido apenas para cursos determinados pela empresa conveniada.

01DB BRASIL COMERCIO DE EQUIPAMENTOS LTDA – ACOEM
5 A SEX DO BRASIL FRANCHISING LTDA.
AB PET – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DOS TUTORES DE ANIMAIS PET
AB PET TECH – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA PET TECH,
ABAC – ASSOC. BRAS. DE ADMINISTRADORAS DE CONSÓRCIOS
ABINEE
ABRIL COMUNICAÇÕES
ACCENTURE DO BRASIL LTDA.
ACHE LABORATORIOS
ACURATE INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA, 
ADIMAX INDÚSTRIA E COMÉRCIO DE ALIMENTOS LTDA,
AD’ORO S/A
AFRESP – ASSOCIAÇÃO DOS AGENTES FISCAIS DO ESTADO DE SÃO PAULO
AGRAMKOW DO BRASIL LTDA.
AGRI CAMPUS CONSULTORIA LTDA.
AGROPET MINEIRO LTDA. 
ALFAPEOPLE DO BRASIL CONSULTORIA DE INFORMÁTICA LTDA.
ALIANÇA METALURGICA S/A
ALLONDA EMBIENTAL LTDA. 
ALLPARK EMPREENDIMENTOS, PARTICIP. E SERVIÇOS (ESTAPAR)
ALLYA SERVIÇOS LTDA
ALPARGATAS S/A
ALPARGATAS S/A.
ALPINO INDUSTRIA METALURGICA LTDA
ALTHAIA S.A. INDUSTRIA FARMACEUTICA,
AMEI – ASSOCIAÇÃO DOS MICROEMPREENDEDORES INDIVIDUAIS E MICRO EMPRESAS DE RIBEIRÃO PRETO E REGIÃO
AMERICAN AIRLINES
AMERICAN AIRLINES 
AMGEM BIOTECNOLIGIA DO BRASIL LTDA.
AMGEN BIOTECNOLOGIA DO BRASIL LTDA,
ANMV – ASSOCIACAO NACIONAL DOS MEDICOS VETERINARIOS,
APSEN FARMACEUTICA LTDA
ARC CONTRO DE INVESTIMENTO
ARFETCH.COM BRASIL SERVICOS LTDA
ARGON INFORMÁTICA LTDA.
ASCOVAL IND., E COM. LLTDA
ASSICOM –  ASSOCIAÇÃO DAS EMPRESAS E USUÁRIOS DAS TECNOLOGIAS DE  INFORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO 
ASSOC. EX ALUNOS FMVZ-USP 
ASSOCIAÇÃO CUBO COWORKING ITAU
ASSOCIAÇÃO DESPOSTIVA CLASSISTA BASF 
ASSOCIAÇÃO DOS ANTIGOS ALUNOS DA ESCOLA POLITÉCNICA DA USP
ASSOCIAÇÃO DOS ENGENHEIROS E ARQUITETOS DE OSASCO
ATENTO BRASIL 
AUNDE BRASIL
AVB – AÇO VERDE DO BRASIL LTDA.
AVON COSMÉTICO 
AXALTA COACHING SYSTEMS
AZBIL TELSTAR BRASIL CONSULTORIA LTDA
BACKSALES (EG TALARICO TREINAMENTO ME)
BANCO BRADESCO S/A
BANCO FIBRA S/A
BANCO MERCEDES-BENS DO BRASIL LTDA.
BANCO PINE S/A
BEFLY TRAVEL PARTICIPACOES AS
BIMBO DO BRASIL LTDA.
BIOMEDICAL DISTRIBUITION
BLAU FARMACÊUTICA S/A
BLUESTAR INDÚSTRIA PLASTICA LTDA. (BLUESTAR NET)
BM&F BOVESPA
BOTICÁRIO –  PIACERE DI ODORE PERFUMES NATURAIS
BP COMBUSTÍVELOS LTDA.
BPS TECNOLOGIA DE SEGURANÇA EIRELLI
BRAINFARMA IND. QUIMICA E FARMACEUTICA LTDA.
BRASILATA S/A EMBALAGENS METÁLICAS
BRENNTAG QUÍMICA BRASIL LTDA,
BRINK’s SEGURANÇA E TRANSPORTE DE VALORES LTDA.
BUNZL EQUIP0AMENTOS PARA PROTEÇÃO INDIVIDUAL
BUNZL EQUIPAMENTOS PARA PROTEÇÃO INDIVIDUAL LTDA
CAIXA DE ASSISTENCIA DOS ADVOGADOS DE SAO PAULO (CAASP)
CAMARGO CORRETA (CONSTRUÇÕES E COMERCIO CAMARGO CORREA – VEXIA
CAO E CIA PLANOS DE SAUDE PET LTDA
CAPRICORNIO TEXTIL S/A
CAST INFORMATICA (POWERLOGIC, SUM SERVICE, SUM RESELLER, HRDEVELOPERS, LOGIX”S, PELISSARI, AVANNT)
CBA-CIA BRASILEIRA DE ALUMINIO
CENPEC
CENTRO VETERINÁRIO LAGOA 
CERTSYS TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO 
CIA NITROQUIMICA BRASILEIRA
CIESP – CENTRO DAS INDÚSTRIAS DO ESTADO DE SÃO PAULO
CJ DO BRASIL INDUSTRIAS E COMERCIO DE PRODUTOS ALIMENTÍCIOS LTDA
CMA CGM DO BRASIL AGENCIA MARÍTIMA LTDA.
CNH INDUSTRIAL BRASIL LTDA
CNO S/A
COATS CORRENTE LTDA
COGNIZANT SERVIÇOS DE TECNOLOGIA E SOFTWARE DO BRASIL 
COLABORADORES PRESTADORA DE SERVIÇOS
COLGATE-PALMOLIVE INDUSTRIAL LTDA
COLLINSON BRASIL LTDA
COMPANHIA DOMETROPOLITANO DE SÃO PAULO – METRÔ
CONECTCON PROJETOS E SISTEMAS DE CONECTIVIDADE
CONSAG ENGENHARIA S/A
CONSELHO REGIONAL DE MEDICINA VETERINÁRIA DO RIO GRANDE DO NORTE
CONSORCIO SBEI-SK
CONSTRUTORA COSTA FEITOSA
CONSTRUTORA FERREIRA GUEDES
CONSTRUTORA QUEIROZ GALVAO
CONSTRUTORA SÃO JOSÉ
COOPERATIVA DE ECONOMIA E CRÉDITO MÚTUO DOS EMPREGADOS DO GRUPO FEMSA BRASIL – COOPERFEMSA
COSMED
CRF INSTITUTO DE RECURSOS HUMANOS LTDA. (TOP-EMPLOYERS INSTITUTE
CUSHMAMM & WAKEFIELD
CYRELLA BRAZIL REALTY S.A EMPREENDIMENTOS E PARTICIPAÇÕES
DAMHA URBANIZADORA E CONSTRUTORA LTDA.
DAREZ ATIVIDADES DE INTERNET E COMÉRCIO DE ACESSÓRIOS LTDA. – DOLADO
DASA – – DIAGNÓSTICOS DAS AMÉRICAS S.A
DAVENE (CRIA SIM PRODUTOS DE HIGIENE LTDA)
DEEPLINE MEDIA COMUNICAÇÃO DIGITLA LTDA.
DELPHI AUTOMOTIVE SYSTEMS DO BRASIL
DELTA AIR LINES INC E FILIAIS
DIA BRASIL SOCIEDADE 
DISAL SERVIÇOS, REPRESENTAÇÕES E PARTICIPAÇÕES LTDA.
DOHLER AMÉRICA LATINA LTDA. E 1º ADITIVO
DOHLER ANTONIO CARLOS PRADO LTDA.
DR CONSULTYA CENTRO MÉDICO LTDA.
DUX COWORKERS( MELINA DA SILVA ALVES )
EADBOX TECNOLOGIA PARA EDUCAÇÃO (HEROSPARK)
ECQ EQUILIBRIO – FABIANA TAVEIRA DE MELO ME
ECR ENGENHARIA
EDUNAH INTERMEDIAÇÕES EMPRESARIAIS LTDA
ELEVADORES ATLAS SCHINDLER
ELLO RELACIONAMENTOS EMPRESARIAIS LTDA.
EMBRAER 
EMPIA EMPRESA DE PROJETOS IND E AMBIENTAIS
EMS S/A (HORTOLANDIA)
ENCALSO CONSTRUÇÕES LTDA.
ENGRENAR TECNOLIA LTDA
ENVEP JR.
ESEG  – ESCOLA SUPERIOR DE ENGENHARIA E GESTÃO
ESPRO-ASSOCIAÇÃO DE ENSINO SOCIAL PROFISSIONALIZANTE
ESTRE AMBIENTAL S/A – EM RECUPERAÇÃO JUDICIAL
ETOK COMERCIO E REPRESENTAÇÕES  (TOCK & STOCK)
EUROFARMA
EUROFARMA LABORATÓRIOS S/A
EVO W12 INOVAÇÕES TECNOLOGICAS EIRELLI
FARMACAP INDUSTRIA E COMERCIO LTDA. (MATRIZ E FILIAL)
FARMOQUIMICA S/A
FEDRIGONI BRSIL PAPEIS S/A (BLENDPAPER)
FELLYS VET SERVICOS VETERINARIOS LTDA
FERTILIZANTES TOCANTINS S;A
FIESP
F-INICIATIVAS
FORD MOTOR COMPANY
FS SECURITY SERVIÇOS DE TECNOLOGIA
FUSCO-MOTOSEGURA IMPLEMENTOS RODOVIARIOS EIRELLI
FUTURE LAW EDITECH EDUCAÇÃO E CONSULTORIA LTDA.
FVS MINERAÇÃO LTDA. (CERRADO VERDE)
GAFISA S/A
GALDERMA DISTRIBUIDORA DO BRASIL LTDA.
GALVÃO ENGENHARIA 
GATEC S/A – GESTAO AGEOINDUSTRIAL
GENOBIOMAS BIOTECNOLOGIA LTDA
GEODIS GERENCIAMENTO DE FRETES DO BRASIL LTDA
GERDAU AÇOS LONGOS 
GfK CUSTOM RESEARCH BRASIL PESQUISA DE MERCADO LTDA
GLASSEC VIDROS DE SEGURANÇA
GLOBA LTI TECNOLOGIA EM NEGOCIOS LTDA. E GLOBAL TI PROJETOS E SERVIÇOS LTDA
GOODYEAR DO BRAISL PRODUYTOS DE BORRACHA LTDA.
GRÊMUIO RECREATIVO E DESPOSTOS DE SÃO PAULO (ANTIGO  GREMIO RECREATIVO DROGARIA SP)
GRUPO BUONNY (BUONNY PROJETOS E SERVIÇOS DE RISCOS SECURITÁRIOS LTDA., HEALTH CONSULTORIA EM SAÚDE & SAÚDE OCUPACIONAL LTDA., BUONNY TECNOLOGIA LTDA, LIDER BRASIL COMISSÁRIO DE AVARIAS LTDA., TRANSYSEG TREINAMENTO GERENCIAL DE RISCOS LTDA. )
GRUPO SOTRES S/A 
GURGELMIX MAQUINAS E FERRAMENTAS S/A
HDEI SEGUROS S/A
HIDRAU TORQUE INDUSTRIA COMERCIO IMPORTAÇÃO E EXPORTAÇÃO LTDA
HOMAQ IND. E COM. DE MÁQUINAS DE MADEIRA LTDA.
HOSPITAL VETERINÁRIO SÃO FRANCISCO DE ASSIS LTDA
HUEB SOUSA FERREIRA DESIGN DE INTERIORES LTDA
HYPERMARCAS 
IAFIS SUSTEMS DO BRASIL EIRELLI
IDEMITSU LUBE SOUTH AMERICA 
INDACO IND. E COMERCIO
INSTITUTO DE NEURO RESTAURACAO BELLA BOTANICALS RJ
INSTITUTO FEPAF
INSTITUTO ULTRA
INTECON SERVIÇOS DE LOGÍSTICA LTDA.
INTEGRO MNARKETING BRASIL LTDA.
ÍNTEGRO-GOÍNTEGRO MARKETING BRASIL (vide reação empresas clientes)
INTERACT SOLUÇÕES DE ESPAÇO LTDA
INTERNATIONAL INDÚSTRIA  AUTOMOTIVA DA AMÉRICA DO SUL (MWM INTERNATIONAL MOTORES)
ITAU – UNIBANCO
ITUMBIARA BIOENERGIA S.A.  (BP BUNGE)
J&T EXPRESS BRASIL LTDA.
JADLOG LOGISTICA S/A
JBS S/A
JEDAL REDENTOR IND. E COMERCIO LTDA.
KALLAS ENGENHARIA
KALLAS INCORPORAÇÕES E CONTRUÇÕES (GRUPO KALLAS)
KEYRUS S.A 
KYNDRYL BRASIL SERVICOS LTDA
LA PET CUISINE ALIMENTOS NATURAIS PARA ANIMAIS LTDA
LABORATORIO QUIMICO FARMACEUTICO BERGAMO LTDA,
LATICINIOS CATUPIRY LTDA
LENOVO TECNOLOGIA (BRASIL)LTDA.
LIBBS FARMACÊUTICA
LINCARD PROMOÇÕES E SERVIÇOS LTDA
LIOTECNICA TECNOLOGIA EM ALIMENTOS
MACRO PLATAFORMA LTDA.
MAERSK BRASIL BRASMAR LTDA
MAGAZINE LUIZA S.A (MAGALU)
MARJAN INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA (MARJAN FARMA)
MARKT TEC SERVIÇOS EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LTDA – EPP
MARLOG BRASIL LOGÍSTICA E ARMAZENAGEM LTDA., 
MARTIN ENGINEERING LTDA
MAURICIO DE SOUSA PRODUÇÕES S.A
MCASSAB COM E IND. LTDA.
MEGA LIGHT INDÚSTRIA E COMERCIO 
MELHORAMENTOS FLORESTAL 
MERCADO ELETRONICO S/A
MERCADO LIVRE.COM. ATIVIDADES DE INTERNET LTDA.
MERCADOLIVRE.COM ATIVIDADES DE INTERNET
MICRO JUNTAS IND. E COM LTDA.
MINERVA S/A
MODERA ENGENHARIA LTDA
MOINHO PAULISTA S/A (NITA)
MPSP – MINISTERIO PUBLICO DO ESTADO DE SÃO PAULO
MULTILASER INDUSTRIAL LTDA.
MUSTANG PLURON QUIMICA LTDA
MY AGENCIA DE PROPAGANDA LTDA.
NAVA SERVIÇOS E OUTSOURCING LTDA.
NEW VALUE (MARCO A H MICHALUARE MARKETING DE BENEFICIOS
NEW VALUE (MARCO A.H. MICHALUATE MARKETING DE BENEFÍCIOS ME)
NIDERA SEMENTES 
NITROQUIMINA (CIA NITROQUIMICA BRASILEIRA)
NOVA EXTAR COMERCIO E REPRESENTAÇÕES LTDA.
ONA – ORGANIZAÇÃO NACIONAL DE ACREDITAÇÃO
ORGANIZAÇÃO NÃO GOVERNAMENTAL DE PROTEÇÃO AMBIENTAL – ONGPA
OWENS-ILLINOIS DO BRASUL IND. E COM. S/A
PAGUES BRASIL SISTEMAS PARA TRATAMENTO DE FLUENTES LTDA.
PARANAPANEMA S.A.
PARANAPANEMA S/A,
PAREXEL INTERNATIONAL PESQUISAS CLIMICAS
PARKER HANNIFIN INDÚTRIA E COMÉRCIO
PATRIANI EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA. (PATRIANI CONSTRUÇÕES E VGB SERVIÇOS EIRELLI)
PBG S/A,
PEARSON EDUCATION DO BRASIL LTDA.
PERNAMBUCANAS FINANCIADOSA SA CRED FINAN INVESTIMENTO, ARTHUR LUNDGREN TECIDOS LTDA,  E ARTHUR LUNDGREN INVESTIMENTOS, INCORP E ADMINISTRAÇÃO LTDA.
PETS TURISTAS – PATRICIA NOVAES IENO 15241986847/PETS TURISTAS,
PHIBRO SAÚDE ANIMAL INTERNACIONAL LTDA
PHILIPS DO BRASIL LTDA
PINTNEY BOIWES BRASIL EQUIPAMENTOS E SERVIÇOS LTDA.
PLANISA-PLANEJAMENTO E ORGANIZAÇÃO DE INSTITUIÇÕES DE SAÚDE
PLURAL INDUSTRIA GRÁFICA
PMI
PORTO SEGURO CIA DE SEGUROS GERAIS
PROATIVA PASSAGENS E CARGAS 
PROCESS DEVELOPMENTE CORPORATION DO BRASIL LTDA. (PDC)
PROCOMP INDÚSTRIA ELETRONIC (DIELBOLD NIXDORF)
PROCOSA PRODUTOS DE BELEZA
PROGEN PROJETOS GERENCIAMENTO ENGENHARIA LTDA.
PRO-SAUDE ASSOC. BENEFIC. DE ASSIST. SOCIAL HOSPITALAR
PROTEGE S/A PROTEÇÃO E TRANSPORTE DE VALORES
R2 CIENCIA DE DADOS LTDA
RAMO SISTEMAS DIGITAIS LTDA,
REDE PARCERIAS
REUNURBREURBI RECICLAGEM E COMÉRCIO LTDA
SAHLIA ENGENHARIA LTDA.
SAINT GOBAIN DISTRIBUIÇÃO LTDA (TELHANORTE;TUMULERO)
SAINT GOBAIN DO BRASIL PROD INDS E P CONSTR LTDA
SANTANDER (BANCO SANTANDER BRASIL S/A
SAPIENTE AG2 DIGITIAL MARGETINK LTDA.
SATIS INDÚSTRIA E COMÉRCIO LTDA. 
SEMCOM BRASIL SERVIÇOS E ENGENARIA LTDA 
SENER ENGENHARIA E SISTEMAS 
SIGNIFY ILUMINAÇAO BRASIL LTDA.
SIGVARIS DO BRASIL
SIMPRESS COM.LOCAÇÃO ESERVIÇOS LTFDA.
SIMPROQUIM
SIN IMPLANTE
SINDICATO DOS COMERCIÁRIOS DE SÃO PAULO 
SINDICATO DOS LOJISTAS DO ESTADO DE SÃO PAULO
SINDICATO DOS TRABALHADORES NA IND. DE ARTEFATOS DE PAPEL, PAPELÃO E CORTIÇA DE SÃO PAULO – SINTRAPEL-SP
SINDPD – SINDICATO DOS EMPREGADOS EM EMPRESAS DE PROCESSAMENTO DE DADOS 
SINDPD/SP-SINDICATO DOS EMPREGADOS EM EMPRESAS DE PROCESSAMENTO DE DADOS, DE SERVIÇOS DE COMPUTAÇÃO, DE INFORMÁTICA E DE TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO E DOS TRABALHADORES EM PROCESSAMENTO DE DADOS, SERVIÇOS DE COMPUTAÇÃO, INFORMÁTICA E TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO DO ESTADO DE SÃO PAULO
SIS CONSUOTORIA DE INFORMATICA LTDA.
SKIN LAB INSDUSTRIA E COMERCIO DE COSMETICOS LTDA.
SML CONSULTORIA E TECNOLOGIA EM INFORMÁTICA
SMP AUTOMOTIVE PRODUTOS AUTOMOTIVOS DO BRASIL LTDA., 
SOLUTTION ENGENHARIA E CONSULTORIA SUSTENTÁVEL LTDA.
SOLUTTION GERENCIAMENTO DE FRANQUIAS EIRELI
SOMPO SEGUROS S/A
SOUTHERN GRAPHICS SYSTEMS BRASIL DESIGN GRAFICO LTDA.
SP INTERVENCTION LTDA.
SQUADRA TECNOLOGIA S/A
STARK-4PL SOLUÇÕES LTDA., 
STEFANINI CONSULTORIA E ASSESSORIA EM INFORMÁTICA S.A.
STONEX CONSULTORIA EM FUTUROS E COMMODITIES LTDA.
SYNCHRO SISTEMAS DE INFORMÁRTICA
TEC3GEO GEOTECNOLOGIA
TECNISA S.A.
TELEFONICA-VIVO
TELEHELP SISTEMAS DE ATENDIMENTO EMERGENCILA
TENNECO AUTOMOTIVE BRASIL
TERPENIA DESENVOLVIMENTO DE BIOINSUMOS LTDA
TETRA TECH ENGENHARIA E CONSULTORIA LTDA.
THYSSENKUPP BRASIL LTDA.
TIGRE MATERIAIS E SOLUÇÕES PARA CONSTRUÇÃO LTDA.
TIISA INFRAESTRUTURA E INVESTIMENTOS
TO BRASIL CONSULTORIA EM TECNOLOGIA DA INFORMAÇÃO LTDA.
TOKIO MARINE SEGURADORA
TOKIO MARINE SEGURADORA S/A
TOLEDO DO BRASIL INDUSTRIA DE BALANÇAS 
TOTAL PASS PARTICIPAÇÕES LTDA.
TOYOTA DO BRASIL
TQI CONSULTORIA E DESENVOLVIMNTO LTDA.
TRANSBRASILIANA CONCESSIONÁRIA DE RODOVIA S/A
TRANTER IND. E COM. DE QUIPAMENTOS LTDA.
TRÊS CORAÇÕES ALIMENTOS S/A
TRR CORRETORA DE SEGUROS LTDAL
UL DO BRASIL LTDA
ULTRAPAR PARTICIPAÇÕES S/A
UNIÃO QUIMICA FARMACEUTIVA NACIONAL S/A.
UNICAMPO – COOPERATIVA DE TRABALHO DOS PROFISSIONAIS DE AGRONOMIA LTDA.
UNIMED FESP – UNIMED DO EST. SP-FEDERAÇÃO ESTAD DAS COOP. MÉDICAS
USINA AÇICAREIRA ESTER S/A
VAANGROUP MG IND. DE EMBALAGENS FLEXIVEIS LTDA.
VASSERMAN ENGENHARIA
VERDE FERTILIZANTES LTDA
VEROS HOISPITAL VETERINARIO LTDA
VESTE S/A ESTILO
VESUVIUS REFRATÁRIOS LTDA.
VIBRA ENERGIA S.A e 1º aditivo
VINE SINALIZAÇÃO VIÁRIA LTDA. (EMERSON MELLA TORNERO
VITON EQUIPAMENTOS E MÁQUINAS LTDA.
VONIN MAQUINS IND. E COM. LTDA.
VYNIL ARENA ENG.CONSULTIVA E COMERCIO DE PLASTICOS
WEBMOTORS S/A
WHEATON ARTE E DECORAÇÃO DE VIDROS LTDA.
WHEATON BRASIL VIDROS LTDA.
WHEATON PINTURA E BENEFICIAMENTO DE VIDROS LTDA.
WHIRLPOOL S.A.
WURTH DO BRASIL PEÇAS DE FIXAÇÃO LTDA.
YAMAN TECNOLOGIA 
ZARAPLAST S/A
ZFR AUTOMORIVE BRASIL LTDA.
ZOETIS COMÉRCIO E DISTRIBUIÇÃO LTDA. (SÃO PAULO)
ZOETIS INDUSTRIA DE PRODUTOS VETERINARIOS LTDA. (CAMPINAS)
ZUCCHETTI SOFTWARE E SISTEMAS LTDA.

A verificação do inventário de gases de efeito estufa conforme o conjunto das normas ISO 14064 tem como objetivo promover a gestão estruturada das emissões de gases do efeito estufa, a partir da quantificação, monitoramento e plano de ação para reduzir os impactos ambientais. É aplicada em três partes principais:

  • Parte 1: estabelece requisitos para requisitos para contabilização das emissões;
  • Parte 2: estabelece requisitos para projetos relacionados às emissões de gases de efeito estufa;
  • Parte 3:  estabelece requisitos para verificação de conformidade à norma para planos de ação e projetos.

Com o inventário de gases de efeito estufa conforme o conjunto das normas ISO 14064, a sua empresa se alinha aos valores de responsabilidade ambiental e otimiza as operações com foco na gestão dos gases do efeito estufa.

Aumenta da credibilidade e da confiança com as partes interessadas
Tem a oportunidade de ingressar no mercado de carbono, transacionando créditos
Atrai investidores e clientes que valorizam a responsabilidade ambiental

A Fundação Carlos Alberto Vanzolini  atua como Organismo de Validação de Projetos de Carbono e Verificação de Inventários de Emissões de Gases de Efeito Estufa, sendo reconhecimento do Órgão Acreditador Cgcre/Inmetro. 

Conheça mais sobre a nossa atuação na certificação ISO 14064.

AtividadeSetoresDescrição dos setores
VerificaçãoGeração de energiaA Combustão de gás natural ou carvão, transmissão e distribuição de energia
 ManufaturaManufatura de equipamento eletroeletrônicos, maquinário industrial;
Processamento de Alimentos
 Extração de Óleo e Gás,
Produção e Refino, incluindo
Produto Petroquímicos
Produção de Petróleo e gás natural, gasodutos, e área da produção de produtos químicos orgânicos refinaria.
 Produção de MetalProdução de transformação de metais ferrosos;
Produção de alumínio (primário e/ou secundário);
Processamento de metais não ferrosos, incluindo produção de ligas;
Produção de coque;
Ustulação ou síntese de minério metálico, incluindo peletização;
Produção de ferro gusa ou aço, incluindo fundição contínua.
  Produção de clínquer e cal ou calcinação de dolomita e magnetita;
Vidro, Cerâmica e Lã mineral.
 Transações de Energia elétricaTransação de compra, transação de venda, transporte sobre rodas.
 Produção QuímicaProdução de Carbono Negro;
Produção de Amônia;
Produção de químicos orgânicos por craqueamento, oxidação parcial ou completa, ou processo semelhante;
Produção de Hidrogênio e síntese de gás por reforma ou oxidação parcial;
Produção de soda cáustica, carbonato de sódio e bicarbonato de sódio;
Produção de ácido nítrico;
Produção de ácido adípico;
Produção de glioxal e ácido glioxílico.
 Manuseamento e eliminação de resíduosTratamento de água e de resíduos;
Instalação de Aterros e Compostagem.
 Agricultura, Florestas e outros usos da TerraRemoção de CO2 da atmosfera por florestas e pastagens;
Emissões resultantes de ações como decomposição, colheita, conversão/desenvolvimento, fogo e escolhas de espécies.
 GeralServiço;
Educação;
Hospital;
Outros.

Por que escolher a Fundação Vanzolini?

Pioneira em certificação no Brasil e referência no exterior
Criada e gerida por professores do departamento de Engenharia de Produção da POLI-USP
Comprometida com o desenvolvimento sustentável do país
Mais de 400 auditores e especialistas no Brasil, América do Sul, Europa e Ásia
Auditoria de riscos frequente para avaliação de imparcialidade dos avaliadores
Portfólio com mais de 70 normas de certificação nacional e internacional.

A segurança alimentar é uma questão ética, de responsabilidade e de cuidado, já que alimentos, além de serem perecíveis, estão sujeitos a diversos tipos de contaminação até chegarem aos consumidores. Por isso, a ISO 22000:19 tem como objetivo implementar um sistema de gestão de segurança alimentar para todos os segmentos envolvidos na cadeia produtiva, desde fabricantes do produto final, ingredientes e aditivos, até agentes de limpeza e produtos de embalagem. 

Os requisitos da norma se direcionam ao controle de perigos seja de natureza física, química ou biológica para os alimentos e também promove programas de monitoramento e melhorias da segurança alimentar. Assim, empresas atestam o compromisso com a qualidade e com a adequação de seus produtos, reduzindo riscos à saúde humana e ampliando a credibilidade no mercado.

Fundação Carlos Alberto Vanzolini tem auditores especializados 

São profissionais experientes e com profundo conhecimento nos detalhes da ISO 2000:19 para apoiar a sua empresa neste importante processo de qualidade. Com  a auditoria da Fundação Carlos Alberto Vanzolini, você tem:

  • o esclarecimento de alguns conceitos como pontos de controle , abordagem de riscos, retirada do alimento e recall;
  • maior abrangência relacionada às empresas pequenas e médias, garantindo maior aderência delas à norma;
  • adoção do anexo SL que permite maior integração dessa ISO com outras normas de sistema de gestão.

A ISO 22000:19 segue a metodologia conhecida como PDCA – planejar (plan), fazer (do), checar (check) e agir (act) -, a qual tem como principal objetivo promover a melhoria contínua de processos do sistema de gestão.

  • PLANEJAR
    • Estabelecer os objetivos do sistema e seus processos, fornecer os recursos
      necessários para entregar resultados e identificar e abordar riscos e oportunidades;
  • EXECUTAR
    • implementar o que foi planejado; 
  • CHECAR
    • monitorar e (onde pertinente) medir os processos, produtos e serviços resultantes, analisar e avaliar informações e dados do monitoramento, medir
      e verificar atividades, e relatar os resultados;
  • AGIR 
    • Correção de desvios e padronização de resultados positivos. 
Garantia de segurança alimentar aos consumidores
Fidelização de clientes e parceiros
Aumento da transparência e da responsabilidade
Melhor posicionamento no mercado interno e também externo

Por que escolher a Fundação Vanzolini?

Pioneira em certificação no Brasil e referência no exterior
Criada e gerida por professores do departamento de Engenharia de Produção da POLI-USP
Comprometida com o desenvolvimento sustentável do país
Mais de 400 auditores e especialistas no Brasil, América do Sul, Europa e Ásia
Auditoria de riscos frequente para avaliação de imparcialidade dos avaliadores
Portfólio com mais de 70 normas de certificação nacional e internacional.

Você sabe o que é Lean Six Sigma? Acompanhe o texto até o final e entenda porque a certificação Lean Six Sigma é tão importante para o seu negócio!

 

Para elevar a sua empresa a um alto nível de qualidade produtiva, é indispensável que você compreenda o que é Lean Six Sigma.

Além da brasileira Ambev, marcas consagradas no mercado internacional como Nike, Toyota, Intel e Ford também atingiram seu sucesso graças à aplicação da metodologia Lean Six Sigma.

Quer saber mais sobre esse método? Leia até o final e entenda como ele pode ser aplicado na gestão da sua empresa. Aprecie a leitura!

O que é Lean Six Sigma? Entenda a estrutura

O primeiro passo para entender o que é Lean Six Sigma é saber que essa metodologia é a junção de dois processos de gestão distintos: o Lean Manufacturing e o Six Sigma.

Lean

O Lean Manufacturing é uma filosofia de gestão criada nos anos 40, durante a era toyotista. Seu principal objetivo é eliminar quaisquer tipos de desperdícios em um processo produtivo.

Amplamente recorrentes nas empresas, existem 7 principais “gargalos” que prejudicam uma cadeia de produção e são combatidos pelo método Lean. São eles:

  1. Processamento desnecessário: operação ineficiente que provoca aumento do tempo de produção;
  2. Movimentação desnecessária: deslocamento frequente de colaboradores de um lugar a outro;
  3. Estoque excessivo: mercadorias em quantidade exagerada, que provocam problemas de armazenamento e espera de venda;
  4. Superprodução: Produção desenfreada, sem acompanhar a demanda de pedidos, gerando desgaste na equipe e problemas de estoque;
  5. Espera: quando a equipe fica esperando o recebimento de matéria-prima ou algum outro item necessário na etapa produtiva;
  6. Defeitos: erros que geram retrabalho e tempo extra;
  7. Transporte: ação desnecessária de levar produtos ou peças de um lugar a outro no ambiente de trabalho.

Six Sigma

Enquanto o Lean se preocupa em eliminar desperdícios e enxugar o tempo de produção, o Six Sigma é um conjunto de esforços qualitativos, que buscam evitar defeitos nos produtos e serviços.

Criado nas atividades da Motorola nos anos 80, esse método se destaca pela ação objetiva de identificar os problemas produtivos e agir diretamente com foco na solução.

Para garantir a eficiência da metodologia, alguns termos como os Belts e a DMAIC são colocados em prática, conforme você entenderá melhor abaixo.

DMAIC

A principal estratégia por trás da metodologia Six Sigma é a DMAIC, sigla para “Definir, Mensurar, Analisar, Incrementar e Controlar”. Vejamos melhor o que é cada uma dessas etapas:

Cada etapa é fundamental para entender o que é Lean Six Sigma. Por meio da aplicação prática da DMAIC no seu negócio, os indicadores de qualidade do processo dispararão em 99,9996% de eficácia!

O profissional Green Belt

Dentro da organização interna do Six Sigma, existe uma classificação que categoriza as funções específicas de responsabilidade do gestor, são os chamados Belts (cinturões, em português).

Imagine o exemplo de uma determinada arte marcial. Você inicia o treinamento no nível mais básico, representado pela faixa branca, e progride até o mais elevado, que é a faixa preta.

Essa analogia é fundamental para compreender o que é Lean Six Sigma, afinal, a mecânica é a mesma, iniciando com o White Belt e podendo evoluir até o Master Black Belt.

Nessa classificação, o Green Belt é o gestor que já superou os níveis iniciais (White e Yellow Belt) e tem um foco mais direcionado ao aprimoramento de processos.

Ao obter a  certificação Lean Six Sigma, você estará habilitado a liderar os projetos de melhoria contínua com mais propriedade, devido à bagagem das experiências anteriores.

Além disso, uma das principais funções do Green Belt é a análise minuciosa de dados estatísticos dos processos e os problemas que prejudicam a sua execução.

Atrás apenas do Black Belt e do Master Black Belt, a certificação Green é uma das mais requisitadas do mercado, em virtude da versatilidade e da alta importância de suas funções.

Casos e tendências da metodologia Lean Six Sigma

Agora que você já sabe que Lean e Six Sigma são duas metodologias que se unem para buscar a excelência do trabalho, é hora de ilustrarmos com um exemplo!

Imagine que, numa hipotética indústria alimentícia, os colaboradores da linha de produção devem passar por uma barreira sanitária para higienização das mãos, antes de entrar no setor.

Essa é uma exigência das normas de manipulação de alimentos e a empresa está dentro dos parâmetros, o que mostra um compromisso com a qualidade do produto.

O problema é que essa barreira não foi colocada em um ponto estratégico e, após a lavagem das mãos, a equipe precisa se deslocar por um longo trajeto até chegar ao posto de trabalho.

Esse descolamento ocasiona um atraso diário de alguns minutos na produção e dificulta a boa execução do processo de fabricação.

Uma maneira simples de resolver o problema é trocar o ponto de higienização de lugar, deixando-o mais próximo do setor para evitar uma movimentação desnecessária.

Aplicando o conceito de enxugamento nesse caso, há economia de deslocamento, de tempo e o processo fica mais otimizado para potencializar a produção.

O trabalho do gestor Green Belt seria observar essa situação, medir exatamente quanto tempo cada funcionário estava levando para se movimentar sem necessidade e propor essa adaptação aos diretores da empresa.

A importância da certificação Lean Six Sigma

Diante da altíssima relevância do profissional Green Belt e da metodologia como um todo, a certificação Lean Six Sigma é uma maneira de demonstrar ao mercado a sua capacitação profissional.

Da perspectiva do empregador, contratar alguém certificado significa trazer qualidade técnica e experiência ao empreendimento, o que vai melhorar consideravelmente o trabalho e as vendas.

Já pelo lado do empregado, terá mais chances de ser integrado a equipes capacitadas e simpatizantes ao método Lean Six Sigma, o que pode gerar um valioso crescimento profissional.

Essa certificação é obtida por meio de cursos específicos e também programas de capacitação ofertados pelas próprias empresas a fim de melhorar os indicadores da equipe.

Conclusão

Como você percebeu, organização é uma palavra-chave para compreender o que é Lean Six Sigma no mercado moderno.

A partir da junção de duas metodologias, resulta-se numa estratégia poderosa e comprovadamente eficaz para melhorar a qualidade do seu negócio como um todo.

Otimizando processos de trabalho, os colaboradores ficam mais felizes e realizados, desse modo, produzem com mais motivação, o que dispara no faturamento do seu negócio!

Invista em capacitação para a sua equipe! Aproveite os nossos cursos especiais e leve a metodologia Lean Six Sigma para dentro da sua marca!

Fontes:

caetreinamentos.com.br

kanbanize.com

Este conteúdo foi útil para você? Aprenda mais sobre o assunto: a Fundação Vanzolini oferece cursos com especialistas na área para você ampliar o seu repertório e transformar a sua carreira.

 

Conheça os cursos de Lean Seis Sigma da Fundação Vanzolini.

ENTRE EM CONTATO

A Fundação Vanzolini

Sobre a Fundação

Acreditamos na força das pessoas e no potencial de transformação inerente a cada uma delas

A Fundação Vanzolini é uma organização sem fins lucrativos, criada e gerida pelos professores do departamento de Engenharia de Produção da Universidade de São Paulo (Poli-USP), para melhorar a efetividade do processo de desenvolvimento sustentável do Brasil.

Há mais de 50 anos, a Fundação desenvolve, aplica e dissemina novos conhecimentos da Engenharia no cotidiano de pessoas, empresas, instituições e governos, contribuindo na resolução de problemas econômicos, ambientais, técnicos e sociais no Brasil e no exterior.

Tendo como base o olhar sistêmico, integrador e multidisciplinar da Engenharia de Produção, a Fundação Vanzolini atua sobre quatro eixos principais:

Educação, oferecendo programas de formação e desenvolvimento de pessoas e equipes por meio de cursos de curta, média e longa duração. Sendo os cursos de longa duração (MBA e especialização) em convênio com a Escola Politécnica da USP (POLI-USP);

Certificação, realizando certificações de produtos e sistemas de gestão para organizações e instituições públicas e privadas;

Pesquisa, elaborando projetos de pesquisas em operações, produtos, sistemas de gestão, inovação, políticas públicas e outros; e

Soluções, respondendo aos desafios complexos que envolvam inovação e compromisso de implementação bem-sucedidos.

Por que existimos?

Por meio dos nossos serviços, queremos melhorar a eficácia do processo de desenvolvimento sustentável do país, incorporando uma abordagem sistêmica, integrada e eficiente de gestão de recursos junto a empresas e instituições.

Como operamos?

Combinamos os conhecimentos e a visão da Engenharia, em especial, da Engenharia de Produção, com a experiência de mais de 50 anos em sua aplicação para a solução de desafios econômicos, ambientais, técnicos e sociais no Brasil e no exterior.

Reproduzir vídeo
A Fundação Vanzolini tem o propósito norteador de gerenciar seus processos e equipes de maneira ética, conduzindo sua estratégia à luz de valores que proporcionem clareza a agreguem valor à todas as partes interessadas.

Missão

Disseminar os conhecimentos correlatos à Engenharia de Produção e melhorar a eficácia do processo de desenvolvimento sustentável do país, incorporando uma abordagem sistêmica, integrada e eficiente de gestão de recursos junto à empresas e instituições.

Visão

Ser a instituição de referência na disseminação dos conhecimentos da engenharia e protagonista no desenvolvimento sustentável do Brasil.

Valores e suas definições

Independência

A tomada de decisão é realizada à luz das estratégias organizacionais, pautada em julgamento ético, autonomia e liberdade com quaisquer partes interessadas.

Imparcialidade

A tomada de decisão é realizada isenta de privilégios, de forma neutra e com julgamento contextualizado.

Espírito Cooperativo

Congregar a engenharia com outras áreas de conhecimento, buscando inovações e novas formas de geração de valor.

Transparência

Comunicar e agir de maneira clara e ética, construindo uma relação de confiança e garantindo coerência entre o discurso e a ação.

Confidencialidade

Garantir a privacidade e a proteção dos dados e informações, as quais lhe são confiadas.

Competência Técnica

Incorporar conhecimentos de forma continuada e desenvolver as habilidades necessárias para a manutenção do protagonismo na condução das atividades.

Vanguarda Conceitual e Tecnológica

Desenvolver e oferecer soluções inovadoras, alinhadas às necessidades das partes interessadas e suportadas pelos conhecimentos teórico, científico e técnico.

Manifesto

Todos sonhamos com um Brasil que possa se desenvolver à altura das riquezas que possui. Mas todo sonho exige que também se saiba criar os meios para concretizá-lo. É por isso que a Fundação Vanzolini existe.

Criada e gerida por professores do departamento de Engenharia de Produção da POLI-USP, há mais de 50 anos ajuda a estabelecer e executar caminhos mais eficientes para acelerar o desenvolvimento sustentável do país. Nós elaboramos, aplicamos e disseminamos os conhecimentos da Engenharia no cotidiano de pessoas, empresas, instituições e governos, contribuindo com soluções para desafios econômicos, ambientais, técnicos e sociais.

Para nós, toda realidade pode ser modificada por meio da melhor gestão dos recursos disponíveis e do olhar integrador e multidisciplinar da nossa ciência.

E é assim que, a partir da reunião de especialistas e, em conjunto com parceiros, oferecemos programas de formação e desenvolvimento de pessoas, certificação de produtos e sistemas de gestão, projetos de pesquisa e soluções, implementando na prática as mudanças que a sociedade precisa. Nosso compromisso é com o melhor resultado possível para um futuro de todos.

TRANSFORMAR O BRASIL COM CONHECIMENTO, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO É O QUE FAZEMOS DE MELHOR
Contribuir com o desenvolvimento sustentável do país

A Vanzolini é uma Fundação que tem o compromisso público de apoiar o crescimento e desenvolvimento sustentável do Brasil conectando os conhecimentos da Engenharia de Produção ao cotidiano de pessoas, organizações, públicas e privadas.

Conhecimento e experiência para desenvolver e realizar

Há mais de 50 anos, aliamos experiência na criação, desenvolvimento e implementação de cursos, certificações, estudos, projetos e soluções, tendo a Engenharia de Produção como base para resolver os desafios do nosso país.

As melhores pessoas trazem os melhores resultados

Somos capazes de articular uma rede de especialistas, das mais diversas áreas, a fim de trabalharmos em conjunto com os nossos parceiros da esfera pública e privada, garantindo resultados mais eficazes em todos os nossos serviços.

Política de Responsabilidade Social

A Fundação Carlos Alberto Vanzolini, instituição constituída com a finalidade de promoção de pesquisa científica, desenvolvimento de tecnologias alternativas, modernização de sistemas de gestão, produção e divulgação de informações e conhecimentos técnicos e científicos, aplicadas a suas áreas de atuação tem o dever de atuar com transparência na promoção do respeito aos direitos humanos, da atuação de maneira responsável e ética na tomada de decisão junto aos clientes, fornecedores, funcionários, entidades regulatórias, entidades de acreditação, enfim, todas as partes interessadas relevantes, respaldada nos códigos legais e de conduta vigentes.

Esses compromissos estão intrínsecos nas nossas avaliações da conformidade, negociações com parceiros e clientes, cursos, palestras, treinamentos e projetos que desenvolvemos e implantamos, de forma a refletir na sociedade as melhores práticas de responsabilidade social.

Esta política foi aprovada na 158ª Reunião Ordinária do Conselho Curador realizada em 21/10/20

Projetos Apoiados
202420232022
 EcoAção - Fundação Vanzolini apoia projeto da Poli USP
EcoAção - Fundação Vanzolini apoia projeto da Poli USP

A Fundação Vanzolini foi uma das entidades patrocinadoras, pela terceira vez, do evento anual EcoAção. A iniciativa foi promovida no dia 18 de novembro, pela Poli Social, associação sem fins lucrativos da escola Politécnica da USP, voltada à ação social.

O objetivo do evento é conscientizar alunos e banhistas da região, ao realizar um mutirão de limpeza com voluntários pelas praias de Santos. Esta edição aconteceu no Canal 3 e foram coletados mais de 4.500 resíduos, que passaram por uma triagem, a fim de categorizar os materiais.

Competição Brasileira de Robótica e a Fundação Vanzolini
Competição Brasileira de Robótica e a Fundação Vanzolini

A Competição Brasileira de Robótica (CBR) é o maior evento de robótica da América Latina, onde há competições com foco em visão computacional e identificação de padrões. A última edição aconteceu no dia 12 de outubro de 2023, no Centro de Convenções de Salvador ( BA), trazendo o time competidor da Escola Politécnica da USP, Sky Rats.

A Fundação Vanzolini patrocinou a equipe Sky Rats em prol da inovação, tecnologia e parceria em ambiente acadêmico, beneficiando e incentivando todos os envolvidos.Fundado em 2017, o projeto visa o desenvolvimento de micro-veículos aéreos não tripulados, fazendo uso da inteligência artificial e visão computacional para tal. A competição foi formada por quatro fases regulares em que os drones realizaram tarefas autônomas e uma fase extra para apresentar as inovações tecnológicas de cada grupo.

Projeto Poli Cerevisiae
Projeto Poli Cerevisiae

A Fundação Vanzolini contribuiu com o projeto desenvolvido pela Poli Cerevisiae, no qual foi realizado a criação de um sensor eletrônico de densidade. O objetivo foi acompanhar os parâmetros fundamentais no processo de fermentação, que são: temperatura, turbidez e coloração da cerveja.

A colaboração da Fundação Vanzolini forneceu recursos importantes para a realização do projeto, que resultou em soluções inovadoras.

XII SEGEP
XII SEGEP

A Fundação Vanzolini foi uma das patrocinadoras da 12° edição da Semana da Graduação em Engenharia de Produção (SEGEP).

O objetivo do evento é aproximar os alunos com o mercado de trabalho, dessa forma, os alunos podem adquirir maior conhecimento sobre consultoria, indústria, startups, mercado financeiro, tecnologia, inovação e outras áreas da engenharia de produção. Para isso, empresas participantes ofereceram palestras para o auxílio dos alunos.

A FCAV contribuiu no custeio do coffee break oferecido aos participantes, durante os cinco dias de evento.

 Fundação Vanzolini apoia projeto Cidades Sustentáveis (CidSus)
Fundação Vanzolini apoia projeto Cidades Sustentáveis (CidSus)

No dia 23 de novembro aconteceu o evento Cidades Sustentáveis (CidSus) organizado pelo grupo de extensão da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo – Amphibia.

O tema do ano foi Urbanismo Social, e contou com palestras com os seguintes temas: Urbanismo e Mudanças Climáticas; Gestão de Resíduos, Engenharia e Sociedade; Segurança Alimentar. O evento teve como objetivo estimular o diálogo dentro da universidade sobre a importância de cidades mais resilientes e sustentáveis. Também foi falado sobre o papel na sociedade dos profissionais que estão sendo formados.

Ao final do evento, foi disponibilizado um coffee break aos participantes e mudas orgânicas foram distribuídas.

Fundação Vanzolini proporciona participação do grupo Concreto Poli no evento IBRACON 2023
Fundação Vanzolini proporciona participação do grupo Concreto Poli no evento IBRACON 2023

Nos dias 18 a 21 de outubro ocorreu o evento IBRACON, destinado aos desafios da construção civil dentro do ambiente de inovação sustentável. Esse evento contou com palestras e competições, em uma delas houve a entrega de um corpo de prova (amostra de concreto) com participação do grupo Concreto Poli – grupo de extensão da Escola Politécnica da USP formado por integrantes dos cursos de Engenharia e Arquitetura.

A Fundação Vanzolini contribuiu com o custeio do transporte para que a equipe pudesse participar do evento, que ocorreu em Florianópolis.

 FCAV em parceria com a Poli Social na ação PoliBen 2023
FCAV em parceria com a Poli Social na ação PoliBen 2023

No dia 7 de outubro aconteceu o evento PoliBen 2023, da Poli Social. Esse evento aconteceu na Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, das 9h às 17h30, e reuniu 55 crianças em situação de vulnerabilidade social com o objetivo de incentivá-las desde cedo a ingressar na universidade.

Essa ação contou com diversas atividades lúdicas entre os cursos das áreas de exatas, humanas e biológicas, incluindo dinâmicas de competição, empreendedorismo, pintura, robótica, etc.  Além disso, também foi disponibilizado o horário de almoço para as crianças, onde a Fundação Vanzolini contribuiu financeiramente para a execução dessa tarefa.

Fundação Vanzolini possibilita a participação da PoliMilhagem na competição Shell Eco Marathon Brasil 2023
Fundação Vanzolini possibilita a participação da PoliMilhagem na competição Shell Eco Marathon Brasil 2023

A Fundação Vanzolini possibilitou a ida da equipe PoliMilhagem até o Rio de Janeiro durante os dias 28 de agosto a 01 de setembro de 2023, para participarem da competição Shell Eco Marathon Brasil 2023. Essa competição visa inovação e sustentabilidade para a indústria automobilística.

A equipe desenvolveu um protótipo movido a bateria elétrica, percorrido por um circuito de cerca de 8,3 km, com objetivo de consumir menor quantidade de energia elétrica.

Além disso, essa experiência proporcionou muito aprendizado à equipe, pois foi possível desenvolver na prática conhecimentos de engenharia, trabalhar a coletividade, organização, comunicação e gestão de recursos e pessoas.

FCAV apoiou a Poli Náutico na competição DUNA
FCAV apoiou a Poli Náutico na competição DUNA

Nos dias 21 a 26 de agosto ocorreu o Desafio Universitário de Nautidesign (DUNA), sediado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), localizado em Joinville-SC. Nessa disputa, os universitários são incentivados a construírem um barco rebocador funcional em formato reduzido para realizarem as provas.

A Fundação Vanzolini custeou o transporte da Equipe Poli Náutico até o local, fundamental para a participação do grupo na competição, visto que alguns integrantes se encontram em vulnerabilidade financeira.

Para esse ano, a Equipe Poli Náutico realizou o projeto Kraken e conquistou o primeiro lugar na Prova de Projeto.

Fundação Vanzolini e a Semana de Extensão – SemEx
Fundação Vanzolini e a Semana de Extensão – SemEx

A Feira de Extensão é um evento organizado anualmente pelo Grêmio Politécnico da Escola Politécnica da USP, com o intuito de conectar novos ingressantes e os grupos de extensão, apresentando suas oportunidades. Esse encontro aconteceu entre os dias 8 a 12 de agosto, contou com a participação de aproximadamente 40 grupos de extensão e também com mais de 400 alunos ingressantes. A Fundação Vanzolini contribuiu financeiramente para a realização do evento.

Fundação Vanzolini incentiva Semana Internacional da Poli
Fundação Vanzolini incentiva Semana Internacional da Poli

Por meio de palestras informativas e conversas com politécnicos que já fizeram intercâmbio, a décima edição da Semana Internacional da Poli (Sipoli) buscou incentivar a internacionalização da comunidade politécnica. Foram promovidos, ao todo, 10 eventos nessa edição.  A Fundação Vanzolini contribuiu para a iniciativa com materiais de divulgação dos eventos e com camisetas utilizadas pelos participantes.

Vanzolini em Parceria com a Poli Social
Vanzolini em Parceria com a Poli Social

A Fundação Vanzolini apoiou novamente em 2023 um projeto criado pela Poli Social, grupo de extensão da Escola Politécnica da USP voltado à ação social. Trata-se do Trote Solidário, uma forma de ressignificar o trote universitário, incentivando proatividade, espírito empreendedor e beneficiando a sociedade. Nessa ação, os novos estudantes da Escola Politécnica realizaram a pintura de forma gratuita da instituição de ensino Escola Estadual Afrânio Peixoto, localizada na Zona Norte de São Paulo.

Fundação Vanzolini custeou sonorização da Semana de Recepção aos Calouros
Fundação Vanzolini custeou sonorização da Semana de Recepção aos Calouros

No período de  13 a 18 de março houve a realização do evento Semana de Recepção aos Calouros. Esse evento contou com 870 ingressantes, que puderam conhecer melhor a instituição e seu funcionamento, além de serem apresentados aos projetos e associações. Esse evento também proporcionou atividades que promoveram a interação entre os calouros e veteranos. A Fundação Vanzolini custeou a sonorização do evento, elementar para o funcionamento desse encontro.

Vanzolini e a Equipe Poli Racing na Fórmula SAE
Vanzolini e a Equipe Poli Racing na Fórmula SAE

Equipe Poli Racing é um grupo de extensão da Escola Politécnica fundada em 2008, cujo objetivo é a construção anual de um protótipo automobilístico para a Fórmula SAE, maior competição de engenharia do mundo.

A equipe participou da competição em Piracicaba que durou 5 dias, com provas estáticas e dinâmicas, contando com equipes de diversas universidades do Brasil.

A Fundação Vanzolini fez a doação de cilindros de alumínio para o grupo, imprescindível para a manufatura do protótipo.

Fundação Vanzolini volta a contribuir com Projeto do Arduíno
Fundação Vanzolini volta a contribuir com Projeto do Arduíno

O Projeto do Arduíno é gerenciado por alunos do grupo de extensão Poli Cerevisiae da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, voltado ao estudo da indústria cervejeira para auxiliar alunos de engenharia. O Arduíno faz parte da programação, em que os membros controlam a temperatura da cerveja. A Fundação Vanzolini já havia apoiado esse projeto em 2022, e agora, em 2023, voltou a ser parte fundamental para o andamento do projeto.

Fundação Vanzolini em apoio com Projeto Poli Vai à Escola
Fundação Vanzolini em apoio com Projeto Poli Vai à Escola

A Fundação Vanzolini contribuiu na doação de materiais essenciais para a realização do evento Poli vai à Escola. Esse evento aconteceu no dia 8 de março e foi direcionado para levar informação aos estudantes da rede pública sobre a Universidade de São Paulo (USP), retirar dúvidas e incentivá-los a ingressar na universidade, proporcionando visibilidade aos cursos de engenharia.

Fundação Vanzolini faz doação para Projeto em Nome da Fé
Fundação Vanzolini faz doação para Projeto em Nome da Fé

Associação Projeto em Nome da Fé atua no Capão Redondo e Região na zona Sul de São Paulo beneficiando comunidades, famílias e pessoas em situação de rua com a distribuição de alimentos, cestas básicas, produtos de higiene, etc. A Fundação Vanzolini contribuiu com a doação de 21 mesas e cadeiras, proporcionando maior conforto e comodidade para os beneficiários da instituição.

XII SEGEP
XII SEGEP
Fundação Vanzolini colabora com projeto que incentiva a sustentabilidade e a educação
Fundação Vanzolini colabora com projeto que incentiva a sustentabilidade e a educação

Amphibia é um grupo de extensão da Escola Politécnica da USP que realiza projetos na temática sustentável. A Fundação Vanzolini forneceu orquídeas e suculentas ao projeto, no dia 17 de novembro, com objetivo de incentivar a integração da engenharia para construções de cidades mais sustentáveis a jovens estudantes.

Programa com participação da Vanzolini convida alunas para um tour na Escola Politécnica
Programa com participação da Vanzolini convida alunas para um tour na Escola Politécnica

No dia 5 de novembro, o projeto Meninas na Poli foi organizado pelo Diretório Acadêmico da Escola Politécnica da USP.

A Fundação Vanzolini forneceu camisetas ao projeto, que convidou 70 alunas do Instituto Federal de São Paulo (Pirituba) e da Escola Estadual Júlia Lopes de Almeida para participaram de palestras, visitas a laboratórios, além de conhecerem a área de engenharia da Escola Politécnica.

Vanzolini fomenta evento para a alimentação de crianças de escolas públicas
Vanzolini fomenta evento para a alimentação de crianças de escolas públicas

Poli Social é uma associação sem fins lucrativos da Escola Politécnica da USP que promove projetos e eventos que fornecem consultorias a ONGs e campanhas que tenham ligação direta com crianças entre 8 a 11 anos.

Foi realizado a parceria beneficente entre a Poli Social e Fundação Vanzolini que contou com apoio da alimentação do evento na Escola Politécnica da USP com a participação de 50 crianças de escolas públicas no dia 15 de outubro.

Fundação Vanzolini apoia a EcoAção
Fundação Vanzolini apoia a EcoAção

Poli Social é uma associação sem fins lucrativos da Escola Politécnica da USP voltada à ação social.

A Fundação Vanzolini forneceu batas para a EcoAção promovida pelo grupo, repetindo o apoio dado ao evento em 2019. A EcoAção mobilizou voluntários e staffs para recolher lixo na praia, em Santos, e realizar a triagem do lixo no dia 24/09/2002.

Contribuição da Vanzolini para o Projeto do Arduino
Contribuição da Vanzolini para o Projeto do Arduino

Poli Cerevisiae é um grupo que estuda a indústria cervejeira para auxiliar alunos de Engenharia da POLI-USP de forma prática e motivante.

A contribuição da Fundação Vanzolini possibilitou o desenvolvimento do Projeto do Arduino, que será utilizado para maior controle e qualidade de bateladas.

Vanzolini financia viagem para a competição Shell Eco-Marathon Brasil 2022
Vanzolini financia viagem para a competição Shell Eco-Marathon Brasil 2022

A Fundação Vanzolini auxiliou a PoliMilhagem a financiar sua viagem ao Rio de Janeiro para participar da competição “Shell Eco-Marathon Brasil 2022”.

Durante os dias 21 a 26 de agosto, 12 alunos de diferentes cursos de graduação de Poli-USP participaram da competição com seus protótipos de baixo consumo energético e movidos a baterias elétricas.

O grupo é constituído por uma equipe de extensão de eficiência energética da Poli-USP, que participa da “Shell Eco-Marathon”, construindo carros mais sustentáveis.

Relatório de atividades

Contribuir para que empresas, organizações sociais e instituições públicas e privadas alcancem a excelência em produtividade é a nossa forma de promover o desenvolvimento sustentável do Brasil. Conheça algumas atividades realizadas pela Fundação Vanzolini nos nossos relatórios anuais:

Capa do Relatório Anual 2022
Relatório Anual 2022

Este Relatório Anual de Atividades compreende o período de 1º de janeiro a 31 de dezembro de 2022 e apresenta o conjunto das iniciativas desenvolvidas pela Fundação Vanzolini ao longo do ano, além de reportar projetos que se estendem por períodos mais extensos. Também aborda a estrutura organizacional da instituição e as contribuições das diversas áreas, incluindo o apoio a programas sociais, ao Departamento de Engenharia de Produção, à Escola Politécnica e à Universidade de São Paulo.



Corpo administrativo

CONSELHO CURADOR 2024-2026
Alberto Wunderler Ramos
Conselheiro
Diretor da Productiva Engenharia, tem rico conhecimento de mercado e ampla experiência na implementação da metodologia Lean Seis Sigma e temas relacionados. Atua também como consultor em projetos de melhoria em empresas de manufatura e de serviços.
Está na sala de aula como Professor Doutor da USP e como professor da Fundação Carlos Alberto Vanzolini, com foco em formar novos talentos, unindo teoria e prática.
Acumula os títulos de Mestre e de Doutor em Engenharia de Produção, além da graduação na mesma área, todos pela Escola Politécnica, Poli-USP.
Daniel de Oliveira Mota
Conselheiro
Possui graduação em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Juiz de Fora (2007), mestrado em Engenharia Industrial e de Sistemas – North Carolina A&T State University (2009) e doutorado em Engenharia Naval – Universidade de São Paulo (2016).
Foi pesquisador em tempo integral no CILIP-USP (Centro de Inovação em Logística e Infraestrutura Portuária – USP). Ex-aluno do SCALE-2014 realizado no departamento de transporte do Massachusetts Institute Of Technology.
Atualmente é professor e pesquisador  da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (POLI-USP). Tem experiência na área de Engenharia de Produção, com ênfase em modelagem de sistemas (determinísticos e estocásticos). Consultor em Engenharia de Produção, com ênfase em Pesquisa Operacional, atuando principalmente nos seguintes temas: simulação, otimização, logística, six-sigma, gerenciamento de projetos.
Fernando Tobal Berssaneti
Conselheiro
É Coordenador dos Cursos de Capacitação em Gerenciamento de Projetos na Fundação Carlos Alberto Vanzolini e professor do Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica - Poli-USP.
Nessa mesma instituição, integra o Grupo de Pesquisa em Qualidade e Projeto do Produto. Realiza consultoria nas áreas de Gerenciamento da Qualidade, Gerenciamento de Projetos, Gerenciamento por Processos, Gerenciamento de Portfólio de Projetos, Indicadores de Produtividade, Acordos de Nível de Serviço, e Inovação e Sustentabilidade.
Mestre e Doutor em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica - Poli-USP, e graduado em Engenharia de Produção
José Joaquim do Amaral Ferreira
Conselheiro
Diretor de Certificação na Fundação Carlos Alberto Vanzolini e membro da Academia Brasileira de Qualidade. Por mais de 10 anos, foi vice-presidente do IQNET Association – The International Certification Network e, entre 2009 a 2011, foi membro do Board da Sballiance – Sustainable Building Alliance.  
Ao longo da carreira, integrou o Conselho da FIESP - Federação das Indústrias do Estado de São Paulo e o Conselho Superior da Indústria da Construção.
Na docência, atua como professor do Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica - Poli-USP. Nessa instituição, se tornou Mestre em Engenharia de Produção e Doutor em Engenharia. Conquistou o diploma de Master Of Science in Industrial Engineering, na Stanford University, nos Estados Unidos.
Linda Lee Ho
Conselheira
Professora Titular do Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica (2010). Graduação em Estatística pelo IME-USP (1978), mestrado em Estatística pelo IME-USP (1987) e  doutorado em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (1995).
É autora de mais de uma centena de artigos publicados em periódicos qualificados. Foi editora-chefe da Production (2008-2014); coordenadora do programa de pós graduação em Engenharia de Produção (2012-2014).
É bolsista PQ nível 1B do CNPq, membro do Comitê EP (07/21 a 06/24) e do Comitê de Editoração (07/22 a 06/25). Membro do Institute of Statistical Engineering Association (ISEA).
Marcelo Schneck de Paula Pessôa
Conselheiro
Professor Livre docente do Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica da USP (POLI-USP), e vice-presidente do Conselho Curador da Fundação Vanzolini.
É engenheiro eletricista, mestre e doutor pela Escola Politécnica (POLI-USP). Tem 50 anos de experiência nas áreas de computação, automação e telecomunicações.
Nos últimos 20 anos, tem se dedicado às pesquisas na área de qualidade de software, orientou mais de 30 teses dissertações e teses sobre esse tema. Participou da implantação do CMMI – modelo de qualidade para software e sistemas – em empresas industriais e financeiras, incluindo a participação em processos de avaliação.
Foi auditor líder da Norma ISO 9001 e hoje atua como disseminador da Norma ISO 29110 para desenvolvimento de software específica para pequenas organizações de software. Membro da comissão técnica da ABNT, participando da elaboração de normas nacionais e internacionais na ISO.
Mauro de Mesquita Spinola
Conselheiro
Graduado em Engenharia de Eletrônica pelo ITA – Instituto Tecnológico de Aeronáutica (1979), Mestrado em Computação Aplicada pelo INPE – Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (1986), Doutorado (1999) e Livre-docência (2008) em Engenharia pela Escola Politécnica da Universidade de São Paulo (EPUSP).
Atualmente é Professor Associado do Departamento de Engenharia de Produção da (POLI-USP). Realiza pesquisas nas áreas de Gestão da Tecnologia da Informação, Produção de Software e Indústria 4.0. Ministra aulas de graduação e pós-graduação (Mestrado, Doutorado e Extensão) nas mesmas áreas. Ministra cursos em programas de educação continuada (MBA, Especialização) e de extensão universitária).
Foi coordenador da Comissão de Pesquisa do Departamento de Engenharia de Produção da POLI-USP (2016-2019), coordenador das atividades de extensão universitária do mesmo Departamento (2012-2014).
Foi coordenador do Curso MBA Executivo em Gestão de Operações Produtos & Serviços da Escola Politécnica da USP, ministrado em parceria com a Fundação Vanzolini (2011/2016). Atualmente é Conselheiro das Fundações Vanzolini (2016-2020) e Porta Aberta (desde 2015).
Diretoria executiva 2024-2026
João Amato Neto
Presidente da Diretoria Executiva
Presidente da Diretoria Executiva da Fundação Carlos Alberto Vanzolini. Há mais de 40 anos é docente da Escola Politécnica - Poli-USP, ocupando agora o cargo de Professor Sênior;
Atua há mais de 35 anos em cursos e projetos na Fundação Vanzolini, tendo coordenado projetos nas áreas de Gestão da Cadeia de Fornecedoras, Sustentabilidade,Economia Circular, Arranjos Produtivos e Desenvolvimento Local;
Pós-doutor em Economia e Administração de Empresas pela Università Ca’ Foscari di Venezia (Itália), possui mais de 200 artigos completos publicados em anais de eventos e periódicos brasileiros e estrangeiros, tendo apresentado suas pesquisas em diversos países.
Roberto Marx
Diretor de Operações
Professor livre-docente no curso de Engenharia de Produção, na Escola Politécnica - Poli-USP, e especialista em Organização para a Inovação e em Projeto Organizacional e do Trabalho. Desde 2006, é Diretor Executivo de Operações na Fundação Carlos Alberto Vanzolini, liderando uma equipe de cerca de 30 pessoas.
Tem ampla vivência profissional em vários projetos e atuou em grandes empresas, como Unilever, Petrobras, Ford, Boticário, Natura, entre outras.
Tem doutorado em Trabalhos em Grupo na Produção pela Escola Politécnica - Poli-USP e realizou programas de doutorado na Universidade de Sussex, no Reino Unido, e no Royal Institute of Technology de Estocolmo, na Suécia.
Luis Fernando Pinto de Abreu
Diretor Administrativo e Financeiro
Profissional com ampla experiência na área de Engenharia de Produção, atuando principalmente em Gestão de Operação e Logística, Engenharia Econômica, Estatística, Simulação e Teoria de Decisão, Cálculo Diferencial e Integral. 
Atualmente, é professor no Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica, Poli-USP, docente na Fundação Vanzolini e na Fundação Getúlio Vargas. 
Tem mestrado e graduação em Engenharia de Produção, ambas formações realizadas na USP.
EXECUTIVOS DE ÁREA
Luis Fernando Pinto de Abreu
Gestão de Tecnologias em Educação
Profissional com ampla experiência na área de Engenharia de Produção, atuando principalmente em Gestão de Operação e Logística, Engenharia Econômica, Estatística, Simulação e Teoria de Decisão, Cálculo Diferencial e Integral. 
Atualmente, é professor no Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica, Poli-USP, docente na Fundação Vanzolini e na Fundação Getúlio Vargas. 
Tem mestrado e graduação em Engenharia de Produção, ambas formações realizadas na USP.
Roberto Marx
Educação
Professor livre-docente no curso de Engenharia de Produção, na Escola Politécnica - Poli-USP, e especialista em Organização para a Inovação e em Projeto Organizacional e do Trabalho. Desde 2006, é Diretor Executivo de Operações na Fundação Carlos Alberto Vanzolini, liderando uma equipe de cerca de 30 pessoas.
Tem ampla vivência profissional em vários projetos e atuou em grandes empresas, como Unilever, Petrobras, Ford, Boticário, Natura, entre outras.
Tem doutorado em Trabalhos em Grupo na Produção pela Escola Politécnica - Poli-USP e realizou programas de doutorado na Universidade de Sussex, no Reino Unido, e no Royal Institute of Technology de Estocolmo, na Suécia.
Fernando Tobal Berssaneti
Certificação
É Coordenador dos Cursos de Capacitação em Gerenciamento de Projetos na Fundação Carlos Alberto Vanzolini e professor do Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica - Poli-USP.
Nessa mesma instituição, integra o Grupo de Pesquisa em Qualidade e Projeto do Produto. Realiza consultoria nas áreas de Gerenciamento da Qualidade, Gerenciamento de Projetos, Gerenciamento por Processos, Gerenciamento de Portfólio de Projetos, Indicadores de Produtividade, Acordos de Nível de Serviço, e Inovação e Sustentabilidade. 
Mestre e Doutor em Engenharia de Produção pela Escola Politécnica - Poli-USP, e graduado em Engenharia de Produção
coordenador executivo
Caio Fontana
Gestão de Tecnologias em Educação
Doutor em Engenharia Elétrica, com atuação em IoT, automação e projetos logísticos e portuários, sistemas inteligentes de transporte, sensores inteligentes, sistemas de segurança, de georreferenciamento.
Professor associado da Universidade Federal de São Paulo – UNIFESP, na área Engenharia Portuária com ênfase em Gestão de Negócios e Logística Portuária e professor de pós-graduação em Bioprodutos e Bioprocessos.
Na Fundação Vanzolini, é coordenador de projetos de PD&I – Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação e coordenador da área GTE – Gestão de Tecnologias em Educação. Possui diversos trabalhos publicados em revistas e livros relacionados a estas áreas, tanto em âmbito nacional, como internacional.