Fundação Vanzolini

O papel da capacitação na implementação das ISO 27001 e 27701

Postado em Certificação | 23 de novembro de 2023 | 9min de leitura
Compartilhe:

Para evitar o roubo de dados de pessoas e empresas, realizado por criminosos, entenda mais sobre as normas de segurança e privacidade da informação ISO 27001 e 27701.

As normas ISO 27001 e 27701 auxiliam na segurança da informação de organizações, evitando golpes e fraudes.

De alguns anos para cá, temos acompanhado uma série de notícias a respeito do vazamento de dados de pessoas e empresas, por meios digitais. Foram roubados diversos CPFs e CNPJs, além de contas de celulares.

No caso das contas de celulares, as informações são extraídas dos computadores das operadoras de telefonia e comercializados na deep web, uma parte da internet que dificulta ao máximo o rastreamento de computadores.

Todas essas situações geraram um grande alerta aos internautas, que passaram a ter medo de ter suas informações vazadas e utilizadas para atividades criminosas. Afinal, esses vazamentos podem gerar diversas consequências negativas para as vítimas.

É por isso que é essencial implementar as normas ISO 27001 e 27701 para proteger os seus dados de forma eficaz, e, neste conteúdo, abordaremos a importância dessa implementação. Acompanhe a leitura!

O que é segurança da informação e por que ela é tão importante?

A segurança da informação diz respeito à defesa dos dados, visa assegurar que os dados possam ser acessados apenas pelos seus responsáveis de direito ou pelas pessoas para as quais eles foram enviados.

No conceito de segurança da informação, a palavra “informação” é bastante ampla, já que pode estar relacionada aos dados financeiros, bancários, aos dados de um determinado projeto, serviço ou à propriedade intelectual, entre outros.

Dessa forma, a segurança da informação consiste de uma série de ações estratégicas, com o intuito de controlar e evitar riscos de roubo, danos e perdas de dados, servidores, dispositivos, sistemas e redes.

Há inúmeras possibilidades para a coleta e  mau uso dos dados de sua empresa ou de seus dados pessoais. Tais ações têm como função identificar, registrar e combater possíveis ameaças.

Impactos de um ataque para empresas

Para as organizações, a falta de sistemas de segurança e de proteção nas trocas de informações pode levar a prejuízos significativos.

Os impactos negativos não se restringem às perdas financeiras, podem também causar prejuízos à reputação e à imagem da empresa, demonstrando que não é capaz de proteger seus dados ou de terceiros.

Ao colocar em risco a segurança dos dados de seus clientes, a empresa deixa de ser confiável, e isso é prejudicial à fidelização dos clientes..

As principais ameaças à segurança da informação para as empresas

Negligenciar as estratégias de segurança cibernética pode deixar sua empresa vulnerável a diversos riscos. Entenda quais são os principais:

Ataques de ransomware

Por meio de um malware (um software intencionalmente feito para causar danos a um computador, servidor, cliente ou uma rede de computadores), os criminosos podem capturar informações e infectar diversos documentos, impedindo o seu acesso.

A prática mais comum é o responsável pelo ataque realizar chantagens com a empresa atacada, em troca de uma chave de (re)acesso aos seus documentos.

Phishing

Esse tipo de ameaça à segurança da informação diz respeito à fraude eletrônica; é um dos golpes mais  comuns atualmente.

O phishing é uma técnica de engenharia social que, para atrair a atenção das pessoas, se vale de mensagens ou plataformas que parecem confiáveis ou originadas de lugares plausíveis, tais como as redes sociais, e-mails ou bancos.

Após atrair a atenção da vítima, a estratégia costuma direcioná-la a links maliciosos, capazes de executar funções indevidas nos servidores. Tipicamente se instala algum vírus no dispositivo.

ISO 27001 e 27701: As normas que garantem a segurança da sua informação

Para compreender melhor as normas, é importante entender quais são as suas diferenças.

  • A ISO 27001 aborda um Sistema de Gestão de Segurança da Informação (SGSI).
  • A ISO 27701 aborda um Sistema de Gestão de Privacidade da Informação (SGPI), ou seja, fornece diretrizes e requisitos para a proteção da privacidade do titular dos dados.

A LGPD (Lei Geral de Proteção de Dados) é a lei que regula o tratamento dos dados de pessoas físicas ou jurídicas, com o objetivo de garantir a proteção das informações e da privacidade.

Uma dúvida bastante comum é como as empresas podem adequar suas operações a esta Lei. Uma das formas mais eficientes para estar em conformidade com a LGPD dentro de uma organização, é aderir às normas ISO 27001 e 27701. Se a empresa tiver tais certificações, ela estará atendendo à Lei Geral de Proteção de Dados.

Entenda os objetivos da obtenção das certificações:

Objetivos da capacitação

Um dos principais objetivos dessas duas certificações é garantir a conformidade com a LGPD, evitando que a sua organização seja vítima de fraudes.

Além disso, a ISO 27701 está de acordo também com a GDPR (General Data Protection Regulation). Ou seja, o Regulamento Geral de Proteção de Dados, que é um conjunto de regulações a respeito da proteção de dados na União Europeia.

Portanto, com as certificações ISO 27001 e 27701, a empresa está apta a ser auditada pela norma Europeia. É um caminho para a empresa captar clientes no continente europeu.

Ao garantir a capacitação de atendimento a essas normas,  a empresa  garante a segurança dos seus dados, das informações dos clientes e do seu negócio, evitando prejuízos financeiros e sociais.

O resultado é o aumento da confiança de clientes e parceiros, além da transparência com os titulares dos dados.

Público-alvo da capacitação

O público-alvo da capacitação das normas são executivos, líderes, gestores, profissionais das áreas de auditoria, segurança da informação, tecnologia da informação, controles internos, compliance, gestão de processos e riscos.

São também públicos-alvos os consultores, profissionais autônomos e colaboradores de qualquer segmento que desejem adotar as boas práticas de segurança da informação e privacidade em suas atividades ou empresas.

Como implementar as normas ISO 27001 e 27701 para proteger seus dados

Primeiramente, é preciso deixar claro que, para implementar a ISO 27701, a ISO 27001 também deve ser aplicada. Ou seja, a organização deve contar com essa certificação, ou estar em processo de adequação.

Logo, é necessário identificar qual a maturidade de proteção e privacidade do negócio, e o que ele ainda precisa alcançar. Fazer uma comparação das medidas atuais com o que as normas ISO e a LGPD exigem, ajuda a entender o que ainda precisa ser feito.

Ao seguir a estrutura determinada pelas normas, as empresas cumprirão as exigências necessárias para garantir a proteção de dados.

A maioria dos requisitos se resumem a garantir e proteger a privacidade dos dados pessoais e sensíveis dos usuários, sejam eles clientes, parceiros ou colaboradores.

Conteúdo da capacitação

Confira os principais requisitos da norma 27001, de acordo com o site da Certifiquei:

  • Entendimento do contexto da empresa, a fim de identificar as políticas e objetivos internos da segurança da informação;
  • Avaliação dos riscos. O segundo passo é identificar fragilidades dos processos internos e os riscos que envolvem a segurança da informação. A partir disso, cria-se uma classificação de risco para os tópicos identificados;
  • Logo, partimos para a implementação de controles operacionais, com a finalidade de controlar ou eliminar os riscos identificados na etapa anterior;
  • A seguir, realiza-se a análise de eficácia. Ou seja, é feita uma análise dos resultados obtidos com a implementação dos controles operacionais, identificando, por meio de uma auditoria, o que está ou não está em conformidade;
  • A partir da obtenção da certificação, o último passo consiste  de um processo de melhoria contínua.

Proteja as informações da sua empresa

É importantíssimo garantir a segurança da informação e proteção de dados tanto para pessoas físicas quanto jurídicas, já que ambas têm a possibilidade de serem vítimas de golpes e fraudes.

Além disso, atender aos requisitos das normas ISO 27001 e 27701 ajuda a atrair mais parceiros e clientes para as empresas.

Para que você possa estar preparado para as exigências da certificação, conheça nosso Curso de Interpretação dos Requisitos ISO 27001, com aulas na modalidade EAD ao vivo. Aproveite a oportunidade!

Este conteúdo foi útil para você? Aprenda mais sobre o assunto: a Fundação Vanzolini oferece cursos com especialistas na área, para você ampliar o seu repertório e transformar a sua carreira.

Conheça os cursos de Segurança de Dados da Fundação Vanzolini.

Auditoria remota – como fazer e responder a auditorias remotas

Gestão de Riscos: Metodologia e boas práticas – ISO 31000

Interpretação dos Requisitos ISO 37001:2016

LGPD na prática: Como implantar a Lei Geral de Proteção de Dados na sua empresa

LGPD para áreas Administrativas e Financeiras

LGPD para áreas com Relacionamento com Clientes ou Fornecedores

LGPD para área Compliance

LGPD para área de Recursos Humanos

LGPD para área de Tecnologia da Informação

LGPD para área Jurídica

LGPD para DPO ou Encarregado de Dados

Segurança da Informação e Privacidade de Dados Pessoais, conforme a norma internacional ISO 27701:2019

IQNET: ISO 27001 – Auditor Líder

Interpretação dos Requisitos ISO 27001:2022

Sistema de Gestão de Ativos – Requisitos ISO 55001

Sistema de Gestão de Compliance – Como um sistema de gestão pode apoiar as organizações na cultura positiva do Compliance ISO 37301

ENTRE EM CONTATO

Notícias Relacionadas