Get 10% extra OFF on Porto Summer Sale - Use PORTOSUMMER coupon - Shop Now!

Inteligência artificial e aplicações na Gestão de Operações

Inteligência artificial e aplicações na Gestão de Operações

Assistentes virtuais, rotas no Waze, produtos do seu interesse no feed do Instagram. Estes são três exemplos práticos e corriqueiros da aplicação da Inteligência Artificial.

A tecnologia não cabe mais ao futuro, ela é presente, hoje, em nossa rotina e atividades diárias e sem muitas vezes nos darmos conta disso.

Nas organizações, na medicina, na arte. A presença da Inteligência Artificial é um fato, mesmo que ainda haja qualquer resistência ou dúvida. Trata-se de uma ferramenta capaz de otimizar os negócios, de fomentar novas soluções, agregar valor e aumentar a produção.

A Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI) publicou, em 2018, um artigo no qual destaca uma previsão da Intel de que, em 2025, serviços envolvendo inteligência artificial devem movimentar US$ 36,8 bilhões.

Em 2016, Google, Facebook e Microsoft investiram cerca de US$ 20 bilhões na área. No Brasil, o relatório do Sebrae, apresentado em 2018, projetava gastos de US$ 182 milhões com IA.

Assim, diante desse cenário concreto, atual e pulsante, e com o objetivo de desmistificar e apresentar a Inteligência Artificial na prática, dentro da gestão operacional e da vida das pessoas, preparamos esta entrevista com Alexandre Moreira Nascimento, especialista em Inteligência Artificial, professor da Universidade de Stanford e responsável por conduzir o webinar Masterclass: Inteligência artificial e suas aplicações em Gestão de Operações.

Acompanhe!

Inteligência artificial, robôs e automação do andar

Antes de passarmos para o bate-papo com o professor Alexandre Moreira Nascimento, vamos fazer, rapidamente, uma viagem pela história da Inteligência Artificial. Como vimos no início deste texto, a AI já faz parte do nosso dia a dia – muitas vezes ao dia – no acesso ao buscador do Google, por exemplo.

Com ares de futuro, o campo Inteligência Artificial é um campo antigo, que surgiu na década de 50, com o objetivo de entender como funciona a inteligência humana e, a partir dessa compreensão, desenvolver programas de computador, softwares e aplicativos capazes de simular ou completar esse aspecto da espécie humana.

Trata-se da automatização da inteligência, do pensar, da forma de raciocinar do humano. E, se a gente quiser voltar ainda mais no tempo, podemos considerar a invenção da roda uma forma de automatizar outra atividade humana, o andar.

A partir daí, temos uma evolução que passa pela robótica, pelo uso de robôs em plantas de fábricas e pela automação de tarefas manuais.

Hoje, o desenvolvimento da Inteligência Artificial se expande e vai além. As funções superam a necessidade de um humano – e suas funções cognitivas – para realizar ou validar determinada atividade.

Os computadores e softwares evoluíram e são capazes de fazer atividades que, antes, eram exclusivas dos seres humanos.

Agora você deve estar se perguntando de que forma a AI pode ser aplicada aos processos de gestão de operações, certo?

Para responder a essa questão, vamos à entrevista com o especialista em Inteligência Artificial e responsável pelo webinar, Alexandre Moreira Nascimento.

 

1. Tratando-se de Inteligência Artificial e Gestão de Operações, para quais profissionais, ramos e empresas o webinar se destina?

A Gestão de Operações é um tema bem amplo, que abrange diversos ramos e tipos de empresas. De fato, uma planta industrial tem operações, como um supermercado ou como uma padaria.

Assim, o webinar é indicado para profissionais do nível operacional ao nível de liderança, que tenham envolvimento com a área de operações ou que desejam guinar sua carreira para a área.

A apresentação também é recomendada para empreendedores que podem se beneficiar tanto do entendimento de como a Inteligência Artificial pode ser aplicada em suas empresas para redução de custos, otimização e ganhos de eficiência, bem como podem obter insights sobre oportunidades para criação de novas empresas para ofertar soluções de IA para a Gestão de Operações.

Logicamente, os profissionais de nível estratégico, tático e operacional obterão insights diferentes, de acordo com a perspectiva de cada um dentro de suas organizações e níveis de carreira.

Enquanto profissionais do nível operacional entenderão como seus desafios podem ser endereçados com as técnicas, os profissionais de nível estratégico entenderão como a Inteligência Artificial poderá criar diferenciais competitivos e como seus avanços estão transformando a sociedade, o mercado, etc.

 

2. Há áreas específicas que se alinham à Inteligência Artificial? Ou sua capacidade de atuação e realização é abrangente?

A melhor resposta para essa pergunta foi dada em 2016 pelo professor Andrew Ng, da Universidade de Stanford: “A Inteligência Artificial é a nova eletricidade”.

Ou seja, tal como a eletricidade impactou todos os setores e a sociedade no momento em que o domínio de seus fenômenos nos permitiu criar as fundações da sociedade moderna e conectada, a Inteligência Artificial se aplica em qualquer área, oferecendo uma capacidade de realização abrangente.

É difícil imaginar um setor ou área que não possa colher frutos de suas aplicações hoje ou no futuro e que não seja impactado de alguma forma.

 

3. Em linhas gerais, para aguçar, de que forma a Inteligência Artificial pode melhorar a performance e tornar a Gestão de Operação mais eficiente e potente?

Em linhas gerais, a Inteligência Artificial pode ajudar a otimizar uma operação, seja ela automatizada ou não, aumentando a produtividade e reduzindo custos e desperdícios.

Por exemplo, numa pequena empresa com produção de alimentos próprios, uma aplicação de IA permitiu reduzir o desperdício de 1.2 toneladas, por ano, em ingredientes, para algo em torno de 200 kg.

Se olharmos na operação agrícola, aplicações de Inteligência Artificial combinadas com outras tecnologias estão permitindo um aumento de produtividade de dezenas de vezes por área cultivada.

 

4. Quando pensamos fora das organizações, como a Inteligência Artificial afeta ou pode afetar a vida das pessoas? Quais os impactos na sociedade?

Conforme o próprio Prof. Andrew Ng comentou, a Inteligência Artificial é a nova eletricidade. E tal como a eletricidade transformou profundamente a vida das pessoas e a sociedade, a Inteligência Artificial também está trazendo transformações profundas.

Ao trazer a possibilidade de automação de tarefas que dependiam de processos cognitivos e pessoas treinadas, a Inteligência Artificial está mudando a natureza do trabalho.

Alguns tipos de funções executadas por humanos deixarão de existir, outras serão transformadas e outras surgirão. Com isso, estamos vivendo uma transformação da natureza do trabalho, impactando a dimensão profissional das pessoas.

É óbvio que tal transformação em escala resultará num impacto na sociedade. Há ainda, por exemplo, avanços na Inteligência Artificial que prometem o acesso mais democratizado à saúde e à educação de qualidade, impactando positivamente a sociedade e reduzindo desigualdades.

Aplicações de Inteligência Artificial estão também impactando a velocidade da descoberta de novas drogas, tratamentos e sua efetividade, podendo aumentar nossa longevidade.

Esse aumento, portanto, vai demandar a busca por novas formas de utilizar, eficientemente, os espaços para abrigar e alimentar uma população crescente ao longo prazo, o que é possível por meio da AI.

 

Webinar | Inteligência Artificial e suas aplicações em Gestão de Operações

 

Sobre Alexandre Moreira Nascimento

Visionário e empreendedor em série no Brasil e no Vale do Silício, Alexandre possui mais de 20 anos de experiência no desenvolvimento de produtos e plataformas inovadoras de alta tecnologia.

Desenvolveu a primeira mídia social móvel em 2000. Tem forte e eclética formação acadêmica em negócios, Inteligência Artificial, engenharia e comportamento humano nas mais prestigiadas universidades do Brasil (USP, FGV, UNIFESP) e do mundo (MIT, Harvard, Stanford University e Universidade de Massachusetts), incluindo mais de 10 certificados e mais de 20 honras e prêmios.

É pesquisador na Universidade de Stanford e Faculty da Singularity University. Publicou mais de 25 artigos científicos e seis livros (primeiro livro aos 13 anos). Membro do conselho consultivo de startups de alta tecnologia.

Alexandre é apaixonado por projetar, construir e testar soluções não convencionais para problemas complexos e criar negócios lucrativos ao seu redor. Além de construir robôs como hobby, possui uma vasta coleção de computadores vintage.

Por fim, para assistir ao webinar completo e saber mais sobre as vantagens e aplicações da AI, basta acessar o canal da Fundação Vanzolini no YouTube. O acesso ao Masterclass: Inteligência artificial e suas aplicações em Gestão de Operações é gratuito. Aproveite!

 

Conheça o nosso conteúdo gratuito, em vídeo:

Webinar | Conceitos & Práticas da Transformação Digital – Sua Aplicação em Organizações Brasileiras

 

Webinar | Big Data nas Organizações – Prof. Hugo Watanuki

 

Webinar | O Potencial da Inteligência Artificial na Indústria 4.0

 

Cursos da Fundação Vanzolini

ENTRE EM CONTATO

 

 

Share this post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


chat icone

Posso
ajudar?

You've just added this product to the cart:

×