Fundação Vanzolini

Aumente suas chances de conquistar as melhores oportunidades do mercado com a certificação internacional EXIN Agile Scrum Product Owner. Comprove seus conhecimentos sobre a função Product Owner e amplie suas possibilidades de carreira. A prova aborda a implementação do framework Scrum e do mindset Ágil, com foco na atuação estratégica do desenvolvimento dos produtos digitais.

 

Como funciona a prova?

Veja os tópicos abordados no exame para certificação EXIN Agile Scrum Product Owner:

Comece agora sua formação em Agile Scrum Product Owner e aprenda os conceitos introdutórios do framework Scrum, que se tornou referência no mercado em lidar com projetos de forma ágil. Passando pelos conceitos de backlog, responsabilidades e cerimônias do framework Scrum, você vai aprender como gerenciar projetos,  com foco no usuário e no valor para o negócio.

Veja tudo o que você vai aprender:

Formação completa para você se destacar em uma das áreas mais importantes do Scrum e liderar equipes de desenvolvimento com excelência! Com professores experientes e certificados, você vai desenvolver habilidades comportamentais, como comunicação e colaboração, e também técnicas, como planejamento e monitoramento de produtos digitais de alto valor.

Veja tudo o que você vai aprender:

 

Certificação EXIN

A Fundação Vanzolini é parceira acreditada pela certificadora internacional EXIN. O EXIN Anywhere permite que você faça o exame online. Você poderá fazer seu exame no horário e local que considerar mais adequados. As únicas condições são que você tenha uma conexão à Internet, um laptop que atenda aos requisitos e que não haja mais ninguém na sala com você.

Assim que a inscrição e pagamento forem realizados, envie um e-mail com o seu nome completo para secretariapta@vanzolini.org.br para que seu voucher seja encaminhado.

SAIBA MAIS SOBRE O EXAME EXIN

 

 

Obs.:
A realização deste curso está condicionada ao número mínimo de matrículas.
As vagas estão sujeitas à capacidade máxima da turma.

A transformação digital está mais acelerada do que nunca e a necessidade cada vez mais urgente de gerar valor para clientes e consumidores não permite mais que as empresas lancem mão de modelos engessados, centralizados e autocentrados.

Sendo assim, não há mais saída: organizações precisam de maneiras mais inteligentes, adaptáveis e eficientes de responder às mudanças e entregar produtos e serviços que sejam, de fato, relevantes para a vida das pessoas.

A partir das metodologias ágeis é que se destravam portas para que negócios prosperem na era digital e na Indústria 4.0, criando também novas áreas de conhecimento para serem aproveitadas por profissionais que desejam trilhar carreiras sustentáveis.

Neste ano, o Fórum Econômico Mundial divulgou a atualização do relatório Jobs of Tomorrow (Empregos do Amanhã), elencando grupos de profissões que estarão em alta em um futuro próximo. Entre os sete grandes setores estão: inteligência artificial e dados, engenharia e computação em nuvem e desenvolvimento de produtos.

É nesta área, especificamente, que se destacam as carreiras relacionadas ao Scrum, como Product Owner, Agile Coach e Scrum Master.

O ano era 2001 quando o Manifesto Ágil foi lançado, como forma de estabelecer um marco para uma nova mentalidade estratégica de gestão de projetos nas empresas.

Originalmente aplicado à área de tecnologia, a metodologia ágil foi, com o passar do tempo, sendo incorporada como modus operandi das organizações como um todo e, hoje, está em plena ascensão no mundo dos negócios. Com diversas ramificações, o Scrum é uma das mais evidentes e utilizadas, em todos os tipos de segmentos, da área de TI ao Marketing.

Em abril de 2020, o LinkedIn apontou que na plataforma havia mais de 600 oportunidades de emprego destinadas às funções de Agile Coach, Scrum Master e Product Owner no país e, conforme aponta o relatório do FEM, a tendência é de aumento da demanda por tais profissionais.

Porém, ironicamente, o Brasil, assim como o mundo, enfrenta uma onda de escassez de talentos, ou seja, existem vagas, mas encontrar pessoas qualificadas para ocupá-las é um desafio.

Se você quer se preparar desde já para as oportunidades e construir sua carreira a partir de profissões que proporcionam mais chances de empregabilidade, confira o que são, o que fazem e quais as habilidades centrais para atuar como Product Owner, Scrum Master e Agile Coach. Acompanhe!

Product Owner

Também conhecido como P.O, o Product Owner é peça-chave para a engrenagem do Scrum ser efetiva. Isso porque seu papel é gerar valor, no sentido de desenhar a solução, conduzir os sprints (principal evento do Scrum, que reúne o time para o desenvolvimento focado de um projeto), garantir que as necessidades do cliente e do consumidor sejam contempladas, integrar as pessoas da equipe e ser o elo entre negócio e produto.

Além de dominar os conceitos e as práticas das metodologias ágeis, ao ser esta figura que media, cria e direciona, é preciso que a pessoa desenvolva e aperfeiçoe habilidades como:

• Comunicação clara, objetiva e engajadora;
• Empatia para alcançar uma visão das necessidades, especialmente dos usuários da solução;
• Organização para criar um plano eficiente de desenvolvimento;
• Compreensão da perspectiva macro do projeto;
• Análise e entendimento profundo sobre o negócio do cliente;
• Tomada de decisão sobre as prioridades e as entregas do projeto;
• Negociação com os envolvidos, seja com a equipe ou cliente.

Para você que se identifica com essa função e quer ingressar no mercado com conhecimento sólido e atualizado, junte-se às turmas do curso Agile Scrum – Product Owner.

As aulas focam em apresentar a forma ágil de pensar, responsabilidades do P.O, gestão de projetos complexos e como agregar valor às soluções. O conteúdo ainda vem acompanhado da experiência de especialistas, como Paulo Almeida, Digital Product Specialist, e o professor Roberto Marx, doutor em Engenharia de Produção pela USP. Ao final do curso, você ainda pode realizar a prova para garantir o certificado EXIN Agile Scrum Product Owner.

Scrum Master

Ao lado do P.O, o Scrum Master também atua de forma estratégica no framework. Conforme indica o Guia do Scrum, esta pessoa é a responsável por ensinar e ajudar a desenvolver a metodologia.

Uma boa definição é a de um líder-servidor, representando a conexão entre quem planeja e quem executa o projeto, e cuidando para que a gestão ágil seja colocada em prática adequadamente. Contribuir para que as pessoas se organizem, se gerenciem e se mantenham motivadas, além de resolver obstáculos que possam impedir o progresso do projeto também são atribuições do Scrum Master.

Essa posição também pode ser entendida como um disseminador da cultura ágil nas empresas, ou seja, é quem domina os conhecimentos do Scrum e métodos ágeis e partilha essa abordagem com os demais. É por isso que esta é uma carreira altamente requisitada, visto que as organizações compreenderam que a metodologia ágil não é apenas uma forma operacional de trabalho, mas, sim, uma mentalidade a ser traduzida nas ações do dia a dia.

Se esta é a carreira que faz brilhar os seus olhos, assim como o Product Owner, é necessário conhecer profundamente as metodologias ágeis, além de articular ações relacionadas à:

• Gestão de pessoas: ser capaz de identificar talentos e potenciais da equipe, gerenciar conflitos e acolher necessidades do time;
• Liderança-servidora: ser acessível e prestativo no suporte à equipe e contribuir para o desenvolvimento e aprendizado das pessoas;
• Resolução de problemas complexos: ser ativo para dissolver situações que se apresentem como empecilhos ao longo do projeto;
Adaptabilidade: compreender os melhores caminhos para o desenvolvimento dos projetos, de acordo com as situações que surgirem e necessidades descobertas no processo.

Enxerga nesta carreira novas portas abrindo para sua jornada profissional? Inicie sua formação com o curso Agile Scrum Master – Formação para um verdadeiro Scrum Master.

Em uma trilha de 16 horas, você aprenderá sobre como este profissional atua, sobre a estimativa, o planejamento, o monitoramento e o controle ágeis, e como adotar a mentalidade ágil na prática diária. Ou, ainda, você pode se preparar para alcançar um novo nível na carreira com o curso Agile Scrum Foundation – Preparatório para a certificação EXIN, o qual traz conceitos avançados que levam ao certificado – que tem importante reconhecimento no mercado.

Agile Coach

Em uma escala de experiência, o Agile Coach é quem está no seio da transformação ágil das empresas. É esta a pessoa que age como um facilitador, que carrega conhecimento suficiente para treinar equipes em metodologias ágeis e supervisionar o desenvolvimento de times, contribuindo, assim, para uma verdadeira mudança de paradigma nas organizações.

Nessa posição, além de ter um repertório robusto com métodos ágeis, como Scrum, Lean e Kanban, as habilidades interpessoais são extremamente importantes. A atuação será em contato com equipes e lideranças que, por vezes, podem ser resistentes às mudanças – especialmente aquelas que desconstroem cadeias de comando.

Como cada empresa pode ter uma necessidade diferente em termos de treinamentos para ingressar ou aperfeiçoar as metodologias ágeis, a carreira de Agile Coach pode se dividir em:

• Coaches técnicos: são aqueles que orientam e estão ao lado da equipe de execução e desenvolvimento do projeto;
• Coaches de processos: são profissionais que lideram equipes ágeis e cuidam para que a metodologia seja cumprida;
• Coaches não-diretivos: são focados em mentorias individualizadas para pessoas do time ou em contribuir para a solução de um problema específico relacionado à metodologia.

Se você já tem formação e experiência com Scrum e outros métodos ágeis, pode se tornar agente de transformação com o curso Agile Coach da Fundação Vanzolini. Entre os tópicos abordados estão técnicas de facilitação e mentoria, formação e condução de times, gestão de conflitos e construção de múltiplas equipes.

As aulas são ministradas pelos especialistas: Anderson Sales, Rodrigo Silva e Paulo de Almeida – aqui você pode ouvi-los falando sobre a carreira e já se preparar para o conteúdo.

A crescente e acelerada digitalização do mundo traz desafios, mas também oportunidades de crescimento e, certamente, a jornada profissional conectada às metodologias ágeis são uma forma de estar à frente. Conte com a Fundação Vanzolini para se desenvolver, com conhecimento superatualizado, professores que são referências no mercado e estrutura de ensino comprometida com a excelência.

Conheça o nosso conteúdo gratuito, em vídeo, sobre Métodos Ágeis:

Webinar | Kanban como otimizar a gestão utilizando esse método

Conheça os diferentes cursos oferecidos pela Fundação Vanzolini na área de Agile.

Quais são os principais tipos de treinamento Agile? Conheça os cursos e seus benefícios. Spoiler: alavanque sua vida profissional com eles e se destaque em sua área

Introduza o conceito de metodologia Agile e sua crescente importância no ambiente corporativo, destacando a necessidade de profissionais qualificados e equipes capacitadas para implementar com sucesso práticas ágeis.

Os benefícios da cultura ágeis são vários, e o nome mesmo já entrega um deles, afinal, quanto mais rapidamente as coisas acontecerem, maior é a produtividade. Porém, não se engane, rapidez não significa perda de qualidade. Pelo contrário, a gestão, em uma empresa que adota a metodologia agile, foca na qualidade da entrega.

Sobre a importância do treinamento Agile, é a mesma de sua aplicação: colaborar com a satisfação do cliente, fluxo de trabalho otimizado, flexível e interativo, tornando a empresa mais eficiente e destacada em sua área. Assim, as instituições podem aumentar não somente a satisfação do cliente, a cartela de usuários e consumidores.

Para saber quais são as principais certificações que levarão sua empresa e sua vida profissional ao topo, prepare-se e fique até o final do artigo!

Quais são os principais treinamentos Agile e seus benefícios?

As formações em Agile são essenciais para profissionais e organizações que desejam adotar práticas ágeis de forma eficaz. Apesar de existirem diversos cursos na área, abaixo, apresentamos as principais para te levarem ao sucesso:

Scrum Master (CSM)

A certificação Scrum Master, ou CSM, é a mais conhecida, e por isso, está entre as mais importantes habilitações em Agile. Em resumo, ela fornece uma compreensão profunda dos princípios do Scrum, incluindo papeis, eventos e artefatos.

Durante o curso, o profissional desenvolve competências como a facilitação, a liderança servidora, a comunicação e a visão de melhoria contínua.

Com todos os aprendizados, os benefícios são vários, incluindo a aptidão para liderar equipes ágeis, facilitar reuniões Scrum, resolver problemas e impulsionar a colaboração entre os membros da equipe.

Na Vanzolini, você receberá o certificado oferecido pela certificadora internacional EXIN, e as aulas são todas via online, e com flexibilidade de datas e horários, aprenderá:

Scrum Product Owner (CSPO)

A Scrum Product Owner (CSPO) foca em ensinar os princípios do Scrum do ponto de vista do dono do produto. O conteúdo do curso desenvolve competências para os profissionais liderarem projetos de produtos digitais e criarem entregas de valor ao cliente.

Ao capacitar a criação de valor ao produto, podem ainda colaborar com os stakeholders para garantir o sucesso do que está sendo oferecido, afinal, o certificado ainda garante que os responsáveis gerenciem o backlog efetivamente.

Quanto à formação da Vanzolini em Scrum Product Owner, professores altamente capacitados oferecem recursos para a formação de habilidades comportamentais, as quais permeiam a comunicação efetiva, colaboração, planejamento e monitoramento de produtos digitais, principalmente os high ticket.

Para se ter noção do quão valorosa é a bagagem que irá conquistar a partir do curso, confira nosso conteúdo:

Agile Coach

A Agile coach trata-se de uma formação em Agile diferenciada, pois se concentra em desenvolver líderes ágeis que liderem a transformação ágil em suas organizações.

Em relação às vantagens, a capacitação de líderes faz com que eles consigam promover uma cultura ágil e sejam responsáveis por liderar equipes autônomas e a impulsionar a inovação e a melhoria contínua de seus times e suas atividades.

Ao percorrer no nosso curso, os conteúdos são selecionados para você saber como liderar a transformação nas empresas e treinar equipes para se tornarem autônomas tanto nas metodologias quanto nas práticas ágeis, por meio de disciplinas como:

A formação em Agile Coach serve para profissionais com formação em Product Owner, Scrum Master e/ou Kanban, portanto, é uma formação complementar, que irá agregar ainda mais valor às suas demais certificações em Agile.

Agile Scrum Foundation — Preparatório para a Certificação EXIN

Os profissionais de Agile que querem se destacar no mercado de trabalho, devem ter a certificação EXIN, empresa holandesa reconhecida mundialmente por certificar profissionais de TI. No exame, são cobrados conteúdos como: mindset Ágil, práticas Scrum, planejamento e estimativas Scrum, monitorando projetos com Scrum e conceitos avançados do Scrum.

Por tratar-se de uma prova, assim como todo exame de certificação, necessita de conhecimento e preparo. Pensando nisso, a Vanzolini criou um curso preparatório para a certificação EXIN, o qual aborda todos os tópicos necessários para a aprovação.

Além disso, o aluno tem a oportunidade de estudar casos práticos para saber como implementar a teoria na realidade e não somente para realizar a prova, tornando o curso preparatório para EXIN ainda mais completo e eficiente. 

Agile Business Analysis

Por último, com o Agile Business Analysis, você saberá como realizar análises estratégicas, preparar roadmaps de produtos e aplicar frameworks de mercado: tudo pela lente da Agilidade e com a orientação de especialistas que acumulam casos de sucesso, como todos os instrutores da Vanzolini.

No curso, você irá aprender:

Com esses aprendizados, as pessoas certificadas poderão observar e aplicar os procedimentos sobre uma visão mais abrangente e estratégica, algo fundamental no gerenciamento de projetos.

Todos esses treinamentos Agile capacitam profissionais para obterem êxito em suas ocupações. Ao investir nelas, a competitividade aumenta juntamente com o sucesso no mercado de trabalho dos líderes, afinal, as companhias buscam por gerenciamento eficaz, cultura ágil sólida e otimização do fluxo de trabalho: e isso, você consegue com as certificações da Vanzolini!

Conheça todos os cursos de Agile da Fundação Vanzolini.

ENTRE EM CONTATO

Fontes:

blog.runrun.it/metodologia-agil/  

sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/artigos/importancia-da-metodologia-agil-e-sua-implementacao-na-ibt,10066f102af94810VgnVCM100000d701210aRCRD

“​​Tudo que se vê não é igual ao que a gente viu há um segundo. Tudo muda o tempo todo no mundo”. A letra da música ‘Como uma Onda’, de Lulu Santos, lançada em 1983, poderia ser a definição do momento atual.

O mundo muda freneticamente e, assim como a função de acelerar os áudios do WhatsApp, vamos colocando cada vez mais velocidade nas informações, nas atividades e na produtividade.

Diante dessa dinâmica acelerada, o mercado e os negócios precisam de profissionais com habilidades ágeis, capazes de responder de forma rápida às mudanças e de encontrar soluções criativas diante das transformações que acontecem em tempo real.

Pensando nessa demanda por profissionais especialistas em Agile, preparamos este artigo. Veja quais as características e possibilidades para a carreira e esteja preparado para uma boa onda!

O que é um Agilista e qual seu papel nas organizações modernas?

Para começar, é importante dizer que ser um profissional ágil não significa ser um profissional de rádio. Um profissional de Agile desempenha um papel estratégico e vital nas organizações mais modernas, que estão conscientes das demandas do mercado atual e que buscam otimizar seus processos de desenvolvimento e entrega de produtos ou serviços.

Desse modo, para ser um especialista Agile e poder atuar nas empresas, gerando os resultados esperados, o profissional precisa ter domínio de ferramentas e metodologias ágeis, como o Scrum, Kanban, Lean, entre outras.

Com o recurso das metodologias, os profissionais de Agile têm ferramentas e conhecimento para prever cenários e alterar rotas sempre que necessário, atuando como agentes importantes de mudança para melhorar a eficiência e a colaboração, evitando, dessa forma, desperdícios e perdas ao longo do processo.

Em suma, os Agilistas são responsáveis por gerenciar projetos e produtos de forma que as adaptações às mudanças sejam feitas de forma cadenciada, harmônica e de acordo com a necessidade do negócio. Assim, é possível otimizar tarefas e realizar ajustes enquanto se produz.

Importante destacar que um profissional especialista em Agile pode assumir diferentes níveis e funções, incluindo Agile Coach, Product Owner e Scrum Master.

O mercado pede por um trabalho de ágil

Para atuar em um mundo em constante mudança, é preciso contar com pessoas capazes de acompanhar as transformações e, mais do que isso, obter  delas um retorno de impacto positivo para os negócios.

Por isso, os profissionais em Agile estão sendo cada vez mais requisitados pelas organizações, que precisam estar na mesma velocidade que seus concorrentes e que o mercado em geral. 

O relatório Jobs of Tomorrow, do Fórum Econômico Mundial, divulgado em 2021 e elaborado por cientistas de dados das empresas LinkedIn, Coursera e Burning Glass Technologies, elencou as 96 profissões que devem ganhar relevância nos próximos dois anos. E o grande destaque foi a demanda crescente por profissionais que tenham, entre suas competências, familiaridade com as metodologias ágeis.

E, entre as carreiras elencadas pelo relatório, na categoria “desenvolvimento de produtos”, três estão diretamente relacionadas com as metodologias ágeis: Product Owner (em primeiro); Agile Coach (em terceiro) e Scrum Master (em sexto).

Em levantamento mais recente, o estudo Futuro do Trabalho 2023, elaborado pelo Fórum Econômico Mundial, mostrou que as transformações geradas, em especial, pelas novidades tecnológicas, passam a transformar as habilidades exigidas pelos empregadores.

Neste sentido, eles estimam que 44% das habilidades dos trabalhadores serão alteradas nos próximos cinco anos e a agilidade figura entre elas.

Ainda de acordo com o estudo, no Brasil, as capacidades priorizadas para qualificação nos próximos cinco anos serão:

MBA em Gestão Ágil: Práticas e habilidades necessárias para se tornar um Agilista e como impulsionar a carreira

Ser um Agilista requer o desenvolvimento e a prática de habilidades específicas e valiosas nos tempos atuais. Entre elas, podemos destacar: boa comunicação, proatividade, flexibilidade, consciência, responsabilidade e a capacidade de ser responsivo, de responder rápido às mudanças e às demandas.

De acordo com uma análise elaborada pelo American Enterprise Institute, os mercados têm exigido que as empresas e pessoas se adaptem, sejam ágeis e mudem constantemente.

Assim, as pessoas com especialidade ágil, em geral, conseguem se adaptar rapidamente às circunstâncias e situações de mudança, requisito importante para funções de liderança ou outras posições que requerem tomadas de decisão rápidas.

Outra característica de um Agilista é a resiliência diante de contratempos ou desafios, sem desfocar e seguindo com seu propósito sem desanimar.

O futuro promissor para profissionais ágeis

Como falamos anteriormente, cada vez mais as empresas têm buscado profissionais especialistas em Agile para atender à própria demanda do mercado. As transformações, em velocidade acelerada, também movimentam a carreira de Agilistas e as perspectivas de presente e futuro são bem promissoras.

De acordo com o site Glassdoor, o salário de um profissional Agilista no Brasil varia entre R$ 7 mil – R$ 12 mil por mês. No entanto, o valor médio ganho por esses profissionais em remunerações variáveis, como bônus, comissões e participações nos lucros, é de R$ 13.901. Assim, um Agilista ganha em média R$ 22.721 por mês no Brasil.

Além disso, as inovações e o surgimento de novas tecnologias devem impulsionar ainda mais a agilidade nas organizações e os profissionais que estiverem preparados, com domínio das ferramentas e metodologias, vão sair na frente, sem dúvida.

Como o MBA em Gestão Ágil da Vanzolini pode ajudar você a se tornar um Agilista de sucesso?

Para conquistar um lugar ao sol e fazer a diferença dentro de uma empresa, você pode contar com o MBA em Gestão Ágil, Inovação e Liderança, da Fundação Vanzolini.

Por meio do curso, o profissional terá acesso às metodologias e ferramentas ágeis, além de conquistar as certificações necessárias, como a EXIN, para decolar na carreira de Agilista.

Com a formação em Gestão Ágil, Inovação e Liderança da Fundação Vanzolini, você aprende as habilidades essenciais para uma gestão atual, de empresas modernas, que demandam agilidade e estratégia.  

Com instrução de professores de alto nível, abrangendo tópicos desde análise de dados até gestão de conflitos, os alunos saem preparados para encarar os desafios da nossa era.

Na modalidade híbrida, o curso é completo para os Agilistas do presente e do futuro e abrange os seguintes temas:

GESTÃO ÁGIL

EaD ao Vivo

EaD Gravado

LIDERANÇA

EaD ao Vivo

EaD Gravado

INOVAÇÃO

EaD ao Vivo

EaD Gravado

Então, se você tem interesse em liderar ambientes empresariais dinâmicos e digitalizados, nosso MBA em Gestão Ágil, Inovação e Liderança pode ser o próximo passo em sua jornada profissional.

ENTRE EM CONTATO

Até o próximo!

Fontes:

exame.com/bussola/ser-agil-nao-e-ser-rapido-mas-como-desatar-esse-no/

forbes.com.br/carreira/2023/05/futuro-do-trabalho-23-das-profissoes-devem-se-modificar-ate-2027/

vocesa.abril.com.br/carreira/profissionais-que-atuam-com-metodologia-agil-ganham-destaque-nas-empresas

– O mundo da agilidade vale a pena?

– Afinal o que é agilidade?

– O que eu preciso saber sobre certificações?

– Como escolher a melhor certificação?

– Por onde começar? Aprenda as respostas para estas e outras perguntas do mundo da agilidade e certificação ágil.

Alexandre Terra consultor, experiência como Diretor de empresas como IBN e Pense Gestão e como gerente da Fundação Vanzolini e do Sebrae-SP, Certificado em Product Owner, Scrum Master e Scrum Foundation, formado em administração, com MBA em Gestão de Projetos e Mestrado em Marketing.

» Para saber quais são os nossos próximos webinars acesse o site da Fundação Vanzolini.

Processos, métodos, frameworks e práticas para desenvolver projetos com foco em resultados, conquistando uma visão completa da mentalidade Ágil. Comprando a Trilha, você pagará 30% a menos em todos cursos.

Para receber o Certificado Vanzolini Agile Expert Avançado, você deverá cursar em até 1 ano:

Conheça os cursos que fazem parte da Trilha Agile: 

 

 

 

 

Cancelamento

Em caso de necessidade de cancelamento durante a trilha, o pagamento acontecerá da seguinte forma: serão cobrados os valores integrais de cada curso já desenvolvido e os valores proporcionais dos cursos em desenvolvimento. O valor restante será restituído.

 

Obs.:
A realização deste curso está condicionada ao número mínimo de matrículas.
As vagas estão sujeitas à capacidade máxima da turma.

Você sabe o que é um Product Owner? Ele é o protagonista da transformação e inspira a equipe em torno dos objetivos e propósito dos projetos.

O conceito norteador desse papel vem da Metodologia Ágil. Assim, o Product Owner é um membro do time Scrum. Em uma tradução literal, Product Owner significa dono do produto. Quer saber mais? Continue a leitura!

O profissional Product Owner

O profissional Product Owner (PO) cuida de todas as melhorias e negociações que envolvem o produto e deve entender o objetivo do produto ou serviço, suas funcionalidades, seus principais usos e qual sua vantagem competitiva, o que provavelmente definirá o sucesso do projeto.

De acordo com o Guia Scrum, o Product Owner é definido como o responsável por aumentar o valor do produto ou serviço que, consequentemente, é resultado do trabalho da equipe de desenvolvimento.

Vale destacar que em um time Scrum existe apenas um Product Owner, que tem a função de direcionar o projeto, atendendo as necessidades do cliente e da equipe de desenvolvimento.

O perfil do profissional Product Owner

Para se sair bem na função, o profissional precisa ter algumas competências e habilidades. Por ser responsável por entregar o máximo de valor na hora do desenvolvimento do produto, o Product Owner tem uma função tática e precisa ter o foco em gerenciar todo o backlog do produto.

Cada vez mais as empresas estão dando o devido valor ao desenvolvimento do produto e, por isso, esses profissionais estão em alta no mercado.

Em empresas que utilizam a metodologia ágil, o Product Owner surge como uma necessidade urgente, que geralmente se transforma em um trabalho em tempo integral, sendo necessário um Product Owner para cada time de desenvolvimento.

Conheça algumas funções e atribuições do dia a dia de um Product Owner:

  1. Comunicação;
  2. Gerenciar o Backlog;
  3. Meta, Tempo e Orçamento;
  4. Supervisão;
  5. Visão do Cliente.

Saiba mais sobre as responsabilidades desse profissional no artigo Principais funções de um Product Owner, em nosso blog!

O mercado para o Product Owner

Com um cenário positivo, que combina um alto número de oportunidades, uma boa remuneração e um setor em crescimento, a área de Produto está em ascensão no mercado brasileiro.

Um estudo realizado pela Pagegroup mostrou a carreira de Product Owner na lista das 39 profissões mais promissoras de 2022. O Product Owner se torna, assim, fundamental em projetos ágeis. Contudo, para garantir o completo sucesso, também é essencial dominar o gerenciamento.

Houve um aumento generalizado dos salários desse setor entre 2021 e 2022, segundo uma pesquisa da PM3, divulgada pelo Canaltech, que apontou a diminuição do percentual de profissionais que ganham entre R$ 2 mil e R$ 12 mil e o aumento nas faixas maiores, a partir de R$ 12 mil e até mais de R$ 30 mil.

Uma vantagem dessa profissão é que não é preciso de uma formação específica para exercer o cargo. As áreas cursadas pelos profissionais são amplas e diversas, mas costumam ser mais ligadas à tecnologia.

Aprenda mais com a Fundação Vanzolini e evolua na sua vida profissional! Saiba como se preparar para carreiras ágeis.

Existe diferença entre Product Owner e Product Manager?

A resposta para essa pergunta é sim. É preciso entender que um profissional Product Owner eficiente deve ser capaz de articular metas estratégicas e ter algumas habilidades de gerenciamento de produto, além de como se comunicar claramente com diferentes pessoas dentro do time.

O gerenciamento de produto abrange um conjunto maior de responsabilidades, já que, muitas vezes, o Product Manager cuida de mais de um produto, cada um com a sua própria equipe dedicada e com suas características próprias, e é então que para cada produto entra um PO.

Assim, o Product Manager é fundamental quando se fala em desenvolvimento de produtos. Ele é o responsável por garantir o sucesso do produto, pesquisar e conhecer o público-alvo, analisar a concorrência, entre outras funções.

Como se tornar um profissional Product Owner?

Se você quer atuar profissionalmente e de forma eficaz nessa função, é preciso se comprometer 100% com a equipe de desenvolvimento do produto, tecnologia, UX e Business. O curso Agile Scrum – Product Owner, oferecido pela Fundação Vanzolini, aprimora as habilidades e o conhecimento do candidato sobre os princípios e prepara para o exame EXIN Agile Scrum Product Owner. Inscreva-se e mergulhe nas práticas do Scrum exercidas pelo Product Owner!

Fontes:

https://rockcontent.com/br/blog/product-owner/

https://blog.bossabox.com/product-owner-migrar/

https://artia.com/blog/product-owner/

https://www.ieepeducacao.com.br/responsabilidades-product-owner/

A transformação ágil está em voga nas empresas e a demanda cada vez maior por profissionais com conhecimento e domínio das metodologias que fazem parte desse universo é uma realidade. Mas o que é a carreira Agile? O que é agilidade nos negócios? Como se tornar um profissional ágil?

De cara, o termo ágil pode levar a um pensamento enganoso de que se trata de executar tarefas e entregar resultados de maneira rápida. No entanto, o que está em jogo quando se fala em agilidade não é exatamente – ou somente – o tempo das ações, mas sim o fato de agregar valor às entregas, com qualidade, em ciclos mais curtos e eficientes.

Além de compreender o que é ser ágil dentro das instituições, é preciso compreender que, para alcançar o conhecimento necessário e ter o domínio das metodologias e ferramentas, há um caminho a ser trilhado, uma jornada que começa com uma base geral e depois afunila e se aprofunda com as certificações.

Assim, por meio desses passos, o profissional torna-se especialista em agilidade e adquire as formações necessárias para seus propósitos como líderes e gestores. Quer saber como começar na carreira Agile e obter as certificações EXIN?

Então, acompanhe a leitura deste artigo que preparamos!

O que é Agile?

Para começar, vamos falar sobre o que é, afinal de contas, agilidade no mundo do trabalho. Trata-se de uma forma de atuar profissionalmente que potencializa e incentiva uma gestão alinhada às novas demandas e perspectivas das relações corporativas.

Podemos entender, então, como uma maneira de trabalhar que desperta e organiza, que une a teoria e a prática com dinamismo, profundidade e agilidade.

No entanto, é preciso estar ciente de que, como falamos na introdução deste artigo, não se trata apenas de velocidade, mas de valor agregado na entrega e da capacidade de se colocar diante da instabilidade. Isso porque, no mundo atual, a instabilidade é frequente no cotidiano das organizações e é fundamental ter segurança e domínio das atividades para, justamente, ser flexível e ter tempo para reprogramar a rota.

As equipes de agilidade, quando estão executando sua função, atuam para a necessidade de errar rápido, aprender rápido e entregar valor constantemente. Para assim conseguir colher informações, receber feedbacks e mostrar o seu valor.

Outro fator fundamental quando se trata de se tornar um profissional da agilidade é se a pessoa está disposta a assumir erros, pois, na agilidade, os pequenos erros são incentivados internamente pelas empresas, com o objetivo de auxiliar no aprendizado e no aprimoramento de um ambiente de inovação.

Além disso, é fundamental que haja na empresa uma cultura ágil construída em conjunto com seus colaboradores. Uma pessoa sozinha não dará conta se o pensamento e a prática não forem coletivos.

O que são as certificações da carreira Agile e o que é preciso saber sobre elas?

Vamos agora seguir com nossa jornada Agile e entender que, para que essa transformação ocorra nos espaços corporativos, há, para além da cultura formada e disseminada,  ferramentas, programas e outros recursos modernos – como o Scrum – que estão à disposição dos profissionais interessados em adquirir o conhecimento e  a prática ágil.

Dessa forma, para adquirir tanto o conhecimento quanto o domínio desses recursos, existem as formações e certificações. Mas o que são certificações e quais eu preciso fazer para ser um profissional especialista em Agile?

As certificações são o reconhecimento formal do conhecimento adquirido pelos profissionais em relação aos princípios e habilidades com técnicas ágeis. Podemos entendê-las como um selo, um carimbo, que identifica que a pessoa teve acesso aos recursos para se tornar um agente de transformação ágil.

As certificações podem abraçar muitas abordagens de Agile, como o Exin, e fazem parte da jornada de formação que citamos anteriormente.

Mas, por onde começar para entrar no mundo Agile

Agile Scrum Foundation – Preparatório para a certificação EXIN

Como primeiro passo para entrar no mundo Agile, é fundamental que o profissional tenha uma base bem estruturada. E, para isso, ele pode começar pelo curso Agile Scrum Foundation – Preparatório para a certificação EXIN, oferecido pela Fundação Vanzolini. Esse curso propicia uma experiência com as principais ferramentas Agile para se adquirir fluência diante delas.

Com o Scrum, pretende-se formar um profissional que sabe fazer planejamento, prioriza a ordem das etapas, com foco na redução dos custos operacionais, e que tem conhecimento estratégico sobre trabalho.

O curso tem, ainda, aplicação prática e consenso de estudo de caso, conforme avaliação prévia e interesse dos alunos e alunas, visando promover o entendimento quanto à aplicação de ferramentas ágeis, em especial, o framework Scrum, em todo tipo de empresas (serviços, comércio ou indústrias).

Então, nessa formação, profissionais aprendem a:

Assim, você já sai especialista em conhecimento ágil e, a partir desse ponto, pode optar pelo aprofundamento que melhor se encaixa ao seu propósito na carreira Agile.

Desse modo, o curso Agile Scrum Foundation – Preparatório para a certificação EXIN é uma preparação para voos mais altos e obtenção de certificações, como, no caso, a EXIN que conheceremos mais a seguir.

Agile Scrum Master – Formação para um verdadeiro Scrum Master

No entanto, antes de explicar sobre a Exin, vamos falar de dois passos seguintes possíveis na jornada na carreira Agile.

Um caminho possível é a formação em Agile Scrum Master, indicado para um perfil de líder servidor, que gosta de trocar, compartilhar e disseminar seu conhecimento.

Esse curso, também oferecido pela Fundação Vanzolini, tem como foco a formação de líderes com esse engajamento. Com o papel de serem disseminadores da cultura ágil e verdadeiros agentes de mudanças.

As ações de um Scrum Master são voltadas para a valorização de pessoas e processos, e para o alcance mais rápido de resultados com valor agregado.

Além de ser um agente transformador, o profissional certificado com Scrum Master amplia suas possibilidades na carreira, pois se trata de uma formação bastante requisitada no mercado atualmente.

Então, nessa formação, profissionais aprendem:

Aqui, temos um aprofundamento na carreira Agile, que é indicada para profissionais que tenham mais aptidão para os negócios e que tenham como foco a elaboração de produtos, serviços e funcionalidades.

Trata-se da formação em Product Owner, que traz o conhecimento essencial para que os profissionais, ainda durante o curso, possam desempenhar um papel cada dia mais estratégico e menos operacional, tornando-se verdadeiros product champions.

Nele, você irá aprender:

O que é a certificação EXIN?

Por fim, vamos à compreensão do que é a certificação EXIN, que a Fundação Vanzolini oferece (e para a qual também oferece cursos preparatórios).

Bem, EXIN é o nome de uma empresa de origem holandesa, que oferece certificações para profissionais da área de Tecnologia da Informação (TI) pelo mundo todo.

A EXIN é responsável também pelo credenciamento de organizações que atuam na área de treinamento em TIC e no desenvolvimento de materiais para essas capacitações.

Profissionais com a certificação EXIN possuem reconhecimento formal de seu conhecimento a respeito do universo Agile, das ferramentas, cultura e recursos que o compõem.

Além disso, há algumas informações importantes a serem esclarecidas sobre a EXIN:

Obtenção da certificação EXIN online

É possível fazer a prova EXIN de forma online. O exame para obter a certificação pode ser feito em qualquer lugar, horário e dia. Trata-se de um meio seguro e confiável, que permite um acompanhamento em tempo real do candidato para a realização de um exame que valida e verifica seus conhecimentos e sua experiência no assunto, por meio do uso de câmeras e áudio.

Certificação essencial para um profissional

As certificações são importantes para instituições e para profissionais que desejam melhorar processos, produtos e serviços. O reconhecimento formal agrega valor, gera mais confiança e segurança na relação entre os envolvidos.

A maior parte das instituições busca por funcionários com certificação EXIN, pois ela é como um medidor, que indica a qualificação e os requisitos necessários para as demandas que exigem maior especialização em projetos.

Agora que você já sabe sobre os passos para iniciar sua jornada na transformação ágil, acesse os cursos Agile da Fundação Vanzolini, invista na sua carreira Agile e tenha acesso às formações e às certificações mais renomadas da área. 

ENTRE EM CONTATO