Cultura de UX e Coworking: O Futuro do Trabalho e a Inovação nas Organizações

 

A cultura de UX está dominando o mercado. As empresas percebem, cada vez mais, como é valioso entregar uma experiência interessante para seu cliente. Portanto, este conceito que começou na usabilidade de aplicativos e softwares se espalhou praticamente para qualquer tipo de serviço ou produto.

Mas como esta cultura está afetando os ambientes de trabalho? Afinal, se é importante que a experiência do usuário seja positiva, ela também é importante para os colaboradores poderem alcançar os melhores resultados com seu trabalho.

Portanto, este post vai mostrar como a cultura de UX e o Coworking estão combinando para moldar o futuro do trabalho e a inovação dentro das organizações.

O que é Coworking?

O Coworking é uma filosofia de trabalho em que existe o compartilhamento de espaços. Até aí não é nada de muito impressionante, mas ideia não é apenas compartilhar o espaço físico.

O coworking é composto por pessoas de perfis diferentes, seja em relação a sua formação, profissão e, até mesmo objetivos. É um ambiente propício para fazer networking.

A ideia é criar um ambiente com troca de informação, multidisciplinar e diversificado. Com isso, é mais fácil surgirem ideias inovadoras. Empresas têm uma certa dificuldade de inovar, pois todo mundo tende a pensar da mesma forma. Todos estão “viciados” na profissão. Por isso, não é tão fácil trazer uma ideia realmente nova.

Esta é a primeira mudança que o Coworking traz para o futuro do mercado de trabalho. Permitir que as próprias empresas criem uma cultura de diversificação e multidisciplinar nos ambientes de trabalho. Assim, existe mais espaço para a inovação, desde uma pequena cédula, até todo o negócio.

Como a cultura de UX influência o Coworking?

A cultura de UX tem um peso enorme nisso. Você certamente já ouviu falar neste termo, já que a User Experience passou a ser uma obsessão das empresas, com carreiras novas que surgem com o objetivo de entregar a melhor experiência possível para os usuários. É natural que esta cultura desse o próximo passo e se aproximasse dos colaboradores.

Por isso, o Design de Experiências em coworking visa melhorar as condições de trabalho, as tornando mais humanas e colaborativas. Este ponto da colaboração, é essencial para uma inovação cada vez maior.

Imagine que a empresa tem determinado problema envolvendo um assunto específico. Quem o conhece mais, vai procurar uma solução em um nível mais sofisticado, sem necessariamente olhar para o nível mais básico. Por outro lado, quem não conhece tanto o assunto, pode trazer uma solução mais básica. Em certos momentos ela não vai ajudar muito, mas em outros, pode ser absolutamente genial. Esta é uma das receitas para a inovação.

Existem diversos estudos que mostram que o bem-estar no trabalho tem efeitos positivos na produtividade dos colaboradores, e no resultado da empresa. O mesmo se aplica na presença de equipes multidisciplinares.

É claro que alcançar estes objetivos não é tão fácil. Existem muitas tendências e regras que são enraizadas na mente dos colaboradores e gestores e que precisam ser quebradas.

Portanto, se você quiser entender mais sobre o assunto e alinhar estes conceitos na sua empresa, confira o curso de Cultura de UX e Coworking: O Futuro do Trabalho e a Inovação nas Organizações da Fundação Vanzolini.

Comentários