6 passos para ser assertivo

6 passos para ser assertivo

Melhore sua vida pessoal e profissional com assertividade

Você sabe o que é assertividade?

Assertividade é um ingrediente que define um estilo de se comunicar com foco, clareza, objetividade, honestidade e transparência.

Assim, ser assertivo é expressar, sem constrangimento e sem rodeios, seus sentimentos, opiniões e necessidades e ainda, escutar ativamente os sentimentos, opiniões e necessidades do outro, assumindo a responsabilidade pelas suas próprias escolhas na vida.

Pessoa assertiva é bem resolvida, assume responsabilidade pelas suas próprias escolhas na vida, ou seja, nunca culpa o outro pelas situações ou eventos que acontecem em sua vida. Não acumula sentimentos e emoções aflitivas (raiva, tristeza, medo, frustrações, ansiedade e angústia) estimuladores de doenças e mal-estar.

Assertividade no trabalho

A assertividade tem impactos fortes no trabalho porque em um ambiente assertivo os profissionais focam a solução dos problemas e não ficam buscando culpados; neutralizam o stress desnecessário do cotidiano; ganha-se tempo pois não existe procrastinação e os problemas são resolvidos definitivamente, agilizam os processos e melhoram a produtividade. Pesquisas mostram que um profissional assertivo é fadado ao sucesso na carreira.

A assertividade pode ser um aliado para driblar o estresse do dia-a-dia porque ajuda a zerar os débitos emocionais, dando à pessoa a sensação de liberdade emocional. Com isso, a mente fica livre para ter bons pensamentos, o que impactará num olhar mais real e positivo das situações e relacionamentos, já que o estresse depende do olhar que a pessoa dá aos eventos da vida.

Como ser assertivo?

  • Passo 1 – Decida ser assertivo e cuide da própria vida, jogando fora as “bengalas”. Não há necessidade de engolir e nem de retaliar, o bom é resolver.
  • Passo 2 – Avalie as situações nas quais você não consegue ser assertivo.
  • Passo 3 – Analise, nessas situações difíceis, quais pensamentos aparecem em sua mente que fazem você acreditar que não é bom ser assertivo.
  • Passo 4 – Ressignifique seus pensamentos negativos por pensamentos que lhe mostrem os benefícios de ser assertivo.
  • Passo 5 – Aprenda as técnicas assertivas para cada situação, tais como: como dizer não, como dar limites, como fazer empatia sem medo, como expressar emoções negativas ao outro, etc.
  • Passo 6 – Troque sua linguagem negativa por positiva, ao falar para si e para o outro, isso ajuda a tornar a comunicação mais respeitosa e focada.

Treine e treine muito, com abertura para receber feedback e às vezes, mudar seu próprio comportamento que esteja afetando o outro, pois assertividade é fazer pedidos aos outros mas também é aceitar e reconhecer os pedidos dos outros.

Por Vera Martins

_________________

Sobre a autora

Vera Martins – Professora dos cursos de Liderança Assertiva e Emocional Inteligente na Fundação Vanzolini. Educadora, mestre em Comunicação e Mercado e especialista em medicina comportamental. É autora dos livros: ‘Seja Assertivo!’ e ‘Emocional Inteligente’. Foi executiva em Gestão de Pessoas por 20 anos e, no momento atua como coach, professora, palestrante e consultora organizacional. É facilitadora em seminários e workshops sobre: Liderança Assertiva, Negociação Eficaz, Gestão de Conflitos, Líder Coach, Gestão Emocional do Time, Formação de Times e Ética nas Relações de Trabalho. Palestrante em congressos de recursos humanos, com vários artigos publicados em revistas, jornais e sites especializados.

____________________

Receba os conteúdos e as novidades da Fundação Vanzolini no seu e-mail: Cadastre-se em nossa newsletter

Comentários