Notícia

Certificação AQUA para arenas e complexos Esportivos Multiuso

A Fundação Vanzolini está lançando a certificação AQUA para Arenas e Complexos Esportivos Multiuso, concebida a partir do Processo AQUA para edifícios do setor de serviços. Com isso, as obras de construção e reformas de estádios e complexos multiuso no Brasil, com vistas à Copa do Mundo de 2014 e às Olimpíadas de 2016.


“A certificação aborda as mesmas 14 categorias de desempenho do processo, distribuídas em quatro grupos: eco-construção, eco-gestão, conforto e saúde”, explica o professor Manuel Carlos Reis Martins, coordenador executivo do Processo AQUA na Fundação Vanzolini. Na prática, os objetivos de desempenho requerem desses projetos a redução nos impactos ambientais, considerando os materiais utilizados nas obras, o projeto, o processo construtivo, os equipamentos e sistemas, e a fase de uso do empreendimento, com ênfase em economia de água, energia, gestão de resíduos e facilidade de manutenção. Além disso, em todas essas etapas, estes objetivos também requerem o desenvolvimento de condições ideais de conforto e saúde dos usuários, sejam eles atletas, público, dirigentes, jornalistas, administradores, funcionários e todos os demais usuários.


Por suas características, as arenas e complexos esportivos multiuso necessitam de atenção especial à acessibilidade e segurança, condições apropriadas de deslocamento do público, qualidade dos espaços externos, conforto e condições sanitárias adequadas para os usuários, durabilidade dos materiais e sistemas construtivos, facilidade de manutenção, planejamento da gestão de resíduos, condições de iluminação diurna e noturna adequadas, entre outros requisitos.


Os benefícios da certificação AQUA para este setor estão baseados em critérios de desempenho avaliados por meio de auditorias presenciais, demonstrando que a arena ou complexo esportivo multiuso realmente foram planejados, projetados e construídos de forma a obter condições ótimas de redução dos impactos ambientais e de consumo de água e energia elétrica, fazendo o melhor aproveitamento dos recursos e promovendo conforto e saúde dos usuários. Além da redução do consumo de água e energia, as economias geradas pela certificação virão também da diminuição dos custos de manutenção e limpeza.