Evento

Seminário 50 anos :: Projetos Inovadores na Gestão Pública

Seminários dos 50 anos da Fundação Vanzolini

Ao completar 50 anos, a Fundação Vanzolini é reconhecida como referência internacional em Educação Continuada, Consultoria, Certificação e Gestão de Tecnologias em Educação, por empresas públicas e privadas, assim como profissionais em busca de elevados padrões de desempenho. A Fundação Vanzolini construiu a sua história contando sempre com um renovado quadro de excelência acadêmica formado por professores que partilham o seu conhecimento entre o Departamento de Engenharia de Produção da Escola Politécnica da USP e a Fundação Vanzolini.

Seminários Produzindo o Futuro – Clique aqui e inscreva-se!

“Gestão de Sistemas de Saúde” e “Projetos Inovadores na Gestão Pública” são dois dos temas de extrema atualidade que serão abordados, em março, em um ciclo de palestras sobre problemas brasileiros, realizado pela Fundação Vanzolini para comemorar os 50 anos da instituição.

Segundo João Amato Neto, Presidente da Diretoria Executiva da Fundação Vanzolini e professor titular do Departamento de Engenharia de Produção da POLI-USP, “queremos contribuir com o debate nacional e alinhar a agenda das estratégias empresariais e políticas públicas, embasados no conhecimento e na experiência de nossos professores e de convidados de expressão. São cinco temas para os próximos 50 anos”.

O ciclo de palestras gratuitas vai abordar ainda questões sobre a formação profissional em “Educação Continuada” e “O papel da Fundação Vanzolini na relação Universidade-Empresa”. As dificuldades de integração do Brasil aos novos paradigmas de tecnologia e produção serão abordadas sob o tema “Inovação e Indústria 4.0”.

Veja abaixo a programação sobre o ciclo de palestras gratuitas comemorativo aos 50 anos da Fundação Vanzolini:

  • 4º Seminário: Projetos Inovadores na Gestão Pública

21 de março de 2017, das 14h00 às 18h00

Local: Auditório István Jancsó (Brasiliana USP)

Endereço: Rua da Biblioteca, s/n – Cidade Universitária (USP).

Coordenador: Guilherme Ary Plonski.

Neste Seminário a Fundação Vanzolini abre espaço para a discussão qualificada e consequente de uma reivindicação generalizada da sociedade brasileira, expressa de forma estridente a partir das manifestações de junho de 2013. A cidadania clama por serviços públicos dignos. As empresas demandam a radical redução do hiato entre procedimentos da Administração Pública brasileira e boas práticas de gestão, adotadas no exterior e em algumas instituições nacionais.

O Seminário não se limita à crítica da situação vigente; o seu conteúdo é essencialmente propositivo. Contempla, naturalmente, formas de aprimorar a operação de órgãos e entidades das administrações direta e indireta. Mas tenciona ir além, prospectando iniciativas governamentais que potencializem conhecimentos e redundem na criação e estímulo de novas oportunidades para geração de riqueza e bem-estar.

O fulcro da discussão é a estratégia de incorporação da inovação na gestão pública. Esse é um campo fascinante, mas ainda pouco conhecido, e não só no Brasil. O Manual de Oslo, que estabelece diretrizes para coleta e interpretação de dados sobre inovação nos países afiliados à OCDE, afirma a importância da inovação para o setor público, incluindo a educação e a saúde. Todavia, reconhece que muito trabalho resta a ser feito para estudar a inovação no setor público e desenvolver um quadro de referência para a coleta de dados relevantes.

Com o intuito de iluminar esse tema e valorizar o seu potencial o Seminário exporá abordagens contemporâneas e explorará caminhos. Os argumentos serão sustentados pelo relato de práticas da experiência recente da Administração Pública nas três esferas de Governo, algumas das quais lastreadas na utilização de conceitos da engenharia de produção.

Programa

14h às 18h00

Gestão Pública: há lugar para inovação? 14h15-14h30

Guilherme Ary Plonski

Diretor da área de Gestão de Tecnologias em Educação da Fundação Vanzolini. Professor da Poli e da FEA, ambas da USP, onde coordena o Núcleo de Política e Gestão Tecnológica e é vice-diretor do Instituto de Estudos Avançados.

Do E-gov ao I-gov: a trilha da inovação na administração pública do Estado 14h30-15h15

Roberto Meizi Agune

Coordenador da Unidade de Inovação da Subsecretaria de Parcerias e Inovação da Secretaria de Governo do Estado de São Paulo. Articulador e coautor do livro Dá pra fazer – Gestão do conhecimento e inovação em governo igovsp.net/sp/da-pra-fazer.pdf.

Non Ducor Duco: tracionando São Paulo pela inovação 15h15-16h00

Daniel Annenberg

Secretário Municipal de Inovação e Tecnologia de São Paulo e vereador à Câmara Municipal. Foi superintendente do Programa Poupatempo-SP, projeto do qual participou desde a elaboração, assim como diretor-presidente do Detran-SP, cuja reforma liderou.

Desafios contemporâneos da governança num País de contrastes 16h30-17h15

Evelyn Levy

Especialista em Gestão Pública. Consultora do Banco Mundial, do BID e do Conselho Nacional de Secretários de Administração.  Foi Secretária de Gestão do Ministério do Planejamento e diretora da Escola Nacional de Administração Pública.

Comentários 17h15-17h30

Alvaro Gregorio

Consultor de inovação em Governo. Atuando no setor público desde 1981, criou para o governo paulista o ePoupatempo, o Portal Cidadão.SP, a Rede Paulista de Inovação em Governo, o inovaDay, o projeto de Governo como Plataforma, o programa de Governo Aberto e, mais recentemente, concebeu o iGovLab, o primeiro Laboratório de Inovação em Governo da América Latina.

Diálogo. Conclusões e recomendações. 17h30-18h00

18h00 – Encerramento

18h15 – Lançamento do livro “Sonetos”, do professor Pedro Luiz de Oliveira Costa Neto.

Confira os demais seminários dos 50 anos da Fundação Vanzolini.

Clique aqui e inscreva-se!